26 de setembro de 2009

Serial Killers - Aileen Wuornos


Aileen Carol Pittman nasceu em 29 de fevereiro de 1957 em Rochester, filha de pais adolescentes separados antes mesmo de seu nascimento, em 1960, sua mãe, Diane Pratt, a abandonou junto com o irmão Keith, e ambos foram adotados pelos avós, Lauri e Britta Wournos. Seu pai, tirano e psicopata, foi preso, em 1969, onde se suicidou. Tinha comportamentos automutilantes durante a infância e engravidou do próprio irmão, aos quatorze anos foi internada em um centro para as mães que entregam seus filhos para adoção. Em 1971, deixou sua casa e começou na profissão de prostituta, em lugares diversos, e cometendo pequenos crimes.
Normalmente utilizava apelidos como: Sandra Kretsch, Lee Blahover, Lori Grody e Cammie Greene. Em 1974 foi presa pela primeira vez por dirigir bêbada e atirando em um carro. Já em 1976 seu irmão, Keith, morreu de câncer e Aileen herdou dez mil dólares de seu seguro de vida, que rapidamente gastou em luxos e em um carro novo. Casou-se em Miami com Lewis Fell, mas o casamento durou pouco. Em 1981 foi condenada por roubo no estado da Flórida e cumpriu treze meses de prisão. Outras apreensões ocorreram por uso de cheques sem fundo, roubar uma arma, dirigir sem licença, resistência a autoridade, falsidade de informação, roubo de carro, excesso de velocidade, intimidação, etc.
Passou a freqüentar ambientes lésbicos e namorou com Tyra Moore, com quem permaneceu por 4 anos.. Um ano depois convenceu sua amante que deveria vingar-se dos homens por tudo o que eles tinham feito com elas por toda a vida e começou a matança.
Sua primeira vítima foi Richard Nallory, um eletricista de 51 anos encontrado com três tiros de bala. Aileen o matou após ter sido, por ele, espancada, estuprada e ameaçada de morte. Ao que tudo indica, sua primeira vítima foi feita em legítima defesa. Seis meses depois outro homem foi morto com seis tiros, e sem identificação. Matou ao menos seis homens, entre quem havia Charles Carskaddon, Peter Siems, Eugene Burress, Dick Humphreys e Walter Antonio. Aileen foi encontrada junto com sua companheira através de denúncias. Confessou os seis assassinatos e depois de um longo julgamento e um exame psiquiátrico, foi condenada a morte e executada, por ordem de Jeb Bush, por meio de injeção letal no dia 9 de Outubro de 2002.
Na prisão foi diagnosticada com transtorno de personalidade borderline, uma doença mental causada por longa exposição a traumas e que faz seus portadores cometerem esforços frenéticos para se evitar um abandono, além de serem bastante impulsivos.

Entrevista com Aileen um dia antes de sua execução

Aileen Wuornos gone insane


Filme
O filme “Monster - Desejo Assassino” de 2003 conta a história de Wuornos, o filme rendeu o oscar de melhor atriz para Charlize Theron que representou Aileen.

"Fato interessante desta história é que há relato de Aileen dizendo que a polícia sabia de seu paradeiro que evitou prende-la para torna-la uma matadora em série (serialkiller); o propósito disto seria criar fama à assassina para posteriormente lucrar com a venda de livros, filmes, etc. Após investigação de três policiais envolvidos no caso sobre esta acusação de Aileen, não foram julgados e nenhum relato detalhado sobre a investigação foi publicado."

Bons pesadelos...

16 comentários:

Anônimo disse...

kj first

Ramon disse...

Uuuuuuuuuuuuuuuuuuuuu, quase fui first mas um dia consigo!

Alana Luisa e Silva disse...

Opa, acompanho já a um tempo o Medob. E eu tenho uma dúvida... de que fonte vocês tiram essas informações de Serial Killers?
Adoro o blog, ele é sensacional! Tem uma variedade muito bacana de assuntos e nem só de fantasmas é que as pessoas tem medo!
Parabéns pelo blog!

Rebeca disse...

O filme é fantástico... 'Parabéns, vocês acabaram de condenar uma mulher que foi estuprada'. Fiquei com dó dela, cara! :T

robson disse...

Hey ...
parabéns ...
Para mim os posts sobre serial killers são sempre os melhores ...
Adoro MedoB ...
Continuem assim ... falow ...
Abração aê ...
Fuuuuiiiii ...

danilo matanza disse...

ai vcs sabem qual foi o último desejo dela??

Rebeca disse...

Ela não matava por matar, acreditava fazer justiça com as próprias mãos. Qual foi o último desejo?

Gisele disse...

A pergunta que não que calar: qual foi o ultimo desejo?

. thuts disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
thuanny. disse...

esse é o melhooor filme que eu já vi em minha vida! havia assistido antes desse post de vocês mas...boa escolha,a vida dessa mulher é fascinante e todos deveriam saber sobre ela... parabéns meeesmo pelo post (:

Fábio disse...

pau no cu do first!


\o/

Diaba disse...

Cara o filme é ótimo, principalmente por que aborda o lado humano da serial killer, sem justicá-la da culpa por seus crimes...recomendo! Sem falar que conseguiram deixar a atriz Charlize Theron horrorosaaaa, rapaz...sério kkkkkk

Ci disse...

Adorei essa história, e achei muito impressionante o que ela disse sobre a polícia ter deixado de prende-la só para ela virar uma serial killer e eles lucrarem com isso.


p.s. alguém mais percebeu no video que ela não tem cilios?? :o

Spaço Criatividade disse...

Ei só uma correção rápida o ano de 1957 não teve 29 de fevereiro, ela pode ter nascido em 1956 que foi de fato ano bissexto!
parabéns pelo blog!

cнєяяy ♪ disse...

só faltou o Charles manson

Frank Lucas disse...

Muito show seu site o dono esta de parabéns se quiser pode colocar o link dele no meu site:

 Tatuagens masculinas 
Tatuagens de dragões 
Tatuagens nas pernas  
Tatuagens tribal  
Tatuagens de carpa  
Tatuagens de fênix  
Tatuagens de tigre  
Tatuagens de águia  
.