18 de junho de 2010

O Vicariato de Borley

Conhecida como a casa mais assombrada da Inglaterra, o vicariato de Borley foi construído em 1863 para o Revendendo Henry Dawson Ellis Bull.
Visões de carruagem fantasmas, uma freira e um homem decapitado eram freqüentes na casa, além de objetos que eram arremessados, outros que apareciam e desapareciam, pegadas misteriosas, campainhas que tocavam inexplicavelmente e escritos nas paredes de autoria desconhecida.Uma das filhas de Bull foi acordada com uma bofetada; outra viu um ancião negro e de chapéu alto junto à sua cama. Durante a noite ouviam-se passos e pancadas. Campainhas tocavam e vozes sussurravam. Uma visita habitual da casa viu diversas vezes uma freira.Entre 1930 e 1935 o vicariato esteve entregue ao Revendendo Lionel Algernon Foyster, sua mulher Marianne, sua filha Adelaide. Apareceram mensagens rabiscadas nas paredes e pedaços de papel e frequentemente ouviam-se passos. Uma voz chamou Marianne pelo seu nome e sentiam-se aromas estranhos, especialmente de alfazema. Um dos rabiscos nas paredes, na sua maior parte incompreensíveis, parecia dizer "Marianne, vai buscar auxílio".Edwin Whitehouse passou algumas dias no vicariato com seu tio e sua tia em 1931. Um quarto que não era usado pegou fogo e enquanto as chamas eram apagadas, caiu no chão uma pedra do tamanho de ovo de galinha. Mais tarde, quando o vigário fazia um exorcismo no seu quarto, Edwin e sua tia foram atingidas por pedras.O vicariato ardeu completamente em 1939. Na noite do incêndio várias pessoas viram a figura de uma jovem a uma janela do andar superior.
Mas os fenômenos prosseguiram ainda.Um motorista, Herbert Mayes, ouviu o tropel de patas de cavalo aproximar-se e passar por ele nas proximidades do vicariato, alem disso durante o black-out em tempo de guerra, as milícias da Defesa Civil foram convocados algumas vezes devido às luzes que se viam nas janelas.Em 1943 em uma escavação no local, operários encontraram fragmentos da caveira de uma mulher e brincos com símbolos religiosos. Outros pesquisadores do mistério do vicariato de Borley souberam, através de sessões espíritas, que, no século XVII, uma jovem freira francesa, Marie Lairre, fora obrigada a abandonar seu convento para se casar e fora estrangulada pelo noivo no dia 17 de Maio do ano de 1667, num edifico que se erguia no local onde foi construído o vicariato. O seu corpo, segundo as mensgens espíritas, fora enterrado na adega.
Bons pesadelos..

26 comentários:

Max disse...

Assustador,mas.. o que eh um vicariato???

DEFUNTA FINADA disse...



TENSO

MAS TB TNH A MSM DUVIDA

Anônimo disse...

Assustador.

Peter Answers disse...

Vicariato é uma igreja particular, ou uma prefeitura governada em nome do papa.... (Vicariato Apostólico, não sei se tem diferença, joguei no google ._.)


Eu teria medo de entrar num lugar desses... mas o mais legal foi o dos cavalos, sendo assim qualquer matéria pode ser um fantasma.... eu acho

Helio ( hj-warrior ) disse...

Gostei o post...
Ao mesmo tempo que tenho medo... tenho muita vontade de ir à um lugar desses...eh mais forte do que eh...

Gisele disse...

Bom post ;)

Eu iria visitar essa casa, mas de dia e acompanhada XD

Anônimo disse...

pow, finalmente um post bom
faz um bom tempo q so tem coisa +/-

Erik Paulussi disse...

Adoro esses posts com curiosidades históricas. Realmente são muito ricos de informação e conteúdo!

ctr disse...

bom,eu quero comprar essa casa para eu morar,bom e melhor do que morar no meu bairro,voçe e assaltado 5 veses ao dia(nos feriados sao 7)bom cotinuando...essa casa tem assombraçao demais,por isso acaba parecendo mentira,nao confio nessas historias nao,po,uma freira,ai e demais

Vlad Raoni disse...

Muito bom mesmo *-*

MEDO, tenho curiosidade sobre esses cheiros do nada, ja aconteceu comigo e nunca descobri o que é
procurei na internet mas não achei nada também, só relatos
se achar algo, um post sobre isso ia ser bem legal!

/o/

Rodrigo disse...

MEDOB voltou!!!!!!!!! 2=D

Amanda disse...

pow, finalmente um post bom
faz um bom tempo q so tem coisa +/- [2]!!!!!

♥ Cherry ♥ disse...

Pior que é,
eu acho maravilhosa essas historias
ohwn!
que saudade de ti!

Léo disse...

Lembrou-me o gato preto do Edgar Allan Poe... Alguém mais??

Tá ótimo o blog, Medo!

M disse...

Até que fim colocou o link para divulgar.
Tava doida para divulgar esse blog é otimo! \o/

Anônimo disse...

Putzz é fodaa, heiin?? Mto daoraa, amoo esse blog véii... Amoo terror OMG :-o

Letícia disse...

poutza merda, eu que não ia querer ir lá!

ThE NiNjA BrAsiLeIrO disse...

Eu não acredito muito em fantasmas.
Os objetos que somem e aparecem, tem uma explicação já, são os gremlins, gizmo e sua turma, na minha casa os malditos sempre somem com as minhas coisas na hora que eu preciso delas, principalmente o controle da tv e as chaves do carro.

Ana disse...

"Lembrou-me o gato preto do Edgar Allan Poe... Alguém mais??"

Siiim, enterrar ex-mulher na adega é totalmente Allan Poe! HAUHA

Vlad, eu acho que esse lance de cheiro deve ser alguma sensibilidade mediúnica, assim, sei lá. Eu sinto cheiros diferentes no lugar onde acendo minha velinha pra Ogum, às vezes. Quase sempre é um cheiro de charuto (não, não dá pra confundir com outra coisa), mas já senti cheirinho de pinga e de colônia masculina barata, tbm. E tipo, né, ninguém em casa bebe nem fuma nem nada XD

Mas oh, eu passo essa casa aí porque tenho asca mortal só de pensar em homem decaptado e já fico com mal estar só de fazer a associação da imagem com o lugar ahuahuha =X

ThE NiNjA BrAsiLeIrO disse...

Eu tenho rinite e sinusite, fiz uma cirurgia no nariz para conseguir respirar, porém nunca mais senti cheiro algum, misteriosamente eu consigo sentir o cheiro de uma flor amarela que da em algumas arvores que haviam la perto de casa e hoje já não existem mais, por isso eu acho que o cheio fica gravado no cerebro e conseguimos digamos "lembrar" dele sentir o mesmo, eu sinto o cheiro dessas flores quando estou bem tranquilo, com aquele ar de felicidade de criança.

Emery disse...

Muito interessante essa história , gostaria de poder visitar esse vicariato. =)

Juan disse...

O gato preto, Amontillado, etc..
são vários os contos de Alan Poe sobre corpos em adegas.
Ele é um dos meus autores favoritos. E esse post está de parabéns, muito bem explicado e com aquele tom de mistério que me atrai a esse blog.

Edu disse...

Assustador.. Otimo Post Pequena estrela ^^

Fellipe Freitas disse...

Cuuuuuurti demais, adoro histórias antigas de outro século principalmente quando existe um "Assombrado" Alii :D

82601681 disse...

Muito show seu site o dono esta de parabéns se quiser pode colocar o link dele no meu site:

 Tatuagens masculinas 
Tatuagens de dragões 
Tatuagens nas pernas  
Tatuagens tribal  
Tatuagens de carpa  
Tatuagens de fênix  
Tatuagens de tigre  
Tatuagens de águia  
.

Sal disse...

Interessante. Pena que foi plagiado de "Histórias Maravilhosas" do Círculo do Livro... Tenho esse livro desde a infância. Seria mais correto citar a fonte, certo?