22 de agosto de 2012

Folclore Brasileiro

Hoje é dia do Folclore Nacional
O Folclore Brasileiro tem muitos personagens, mas a maioria ganhou versões boazinhas e infantis para crianças.
É difícil encontrar informações sobre as histórias reais por trás deles...



Saci-Parerê

Em 1917 o Saci não era só travesso. Ele tinha chifres, dentes pontudos pra sugar sangue dos cavalos, e atacava as pessoas com porretadas ou cócegas até a morte.


Sereia Iara

Iara é uma índia que encanta pela sua beleza. Na história real ela tem que matar os irmãos por defesa própria, pela inveja deles, mas acaba jogada no rio pelo pai como castigo.
Agora ela é uma Sereia que seduz mergulhadores para o fundo do mar.


Cuca

A Cuca de verdade não é aquela "Jacaré" trapalhona do Sitio do Picapau Amarelo.
Originalmente ela é uma bruxa assustadora que captura crianças e leva elas num saco.


Pó de pirlimpimpim

Nas primeiras versões do Sitio as crianças cheiravam o pó para viajar no tempo e espaço. Depois dos anos 70, a história mudou, e o pó passou a ser jogado na cabeça das crianças para não ser comparada com a cocaína.


Negrinho do pastoreiro

Essa é a única história que continua sem censura até hoje. A história do pequeno escravo é repleta de gore, descrevendo como o Negrinho sofre depois de perder um cavalo do seu dono. Ele é chicoteado, depois amarrado todo ensanguentado e com mel no corpo em cima de um formigueiro para ser devorado pelas formigas até morrer.


Bons Pesadelos...

39 comentários:

o bardo e o vinho disse...

eu sabia que o criador do sitio que me falha o nome na memoria agora,era viciado em cocaina

Leonardo disse...

O loco então as quianssa do sitio era tudo local de pó

Leonardo disse...

O autor era o Monteiro Lobato

SweetBeeMine disse...

Nossa, então as crianças éram chegadas num pó.

Juliano Constantino disse...

Coloca mais dois famosos : Mula sem cabeça e o Curupira.

SweetBeeMine disse...

boitata ...

Mayara disse...

Ótimo post, parabéns MEDO!! =)
Me lembro de ter lido "Negrinho do pastoreiro" pela primeira vez quando criança. Como dito essa história realmente não foi modificada, por isso me lembro de ter ficado horrorizada... simplesmente perplexa quando li, devia ter uns 9 anos mais ou menos o.O

Guto disse...

a história da caipora é muito louca também
a mula sem cabeça solta fogo pelo pescoço decepado, enfim.. folclore brasileiro prato cheio pra um filmaço de terror, pena que ninguém nem tenta

Lucy disse...

Acho interessante a historia da sereia, os problemas de 'tradução' que essa palavra sofreu, mas como a historia é sempre uma mulher bonita, que normalmente canta, para seduzir os homens e leva-los ao fundo do mar. Essa história vêm desde a mitologia grega e é utilizada em diversas lendas, de diversos paises, cada uma com sua versão e seu nome.

Miguel Franco disse...

Ouçam ae Folclore do Ventania

http://www.youtube.com/watch?v=mPuYikDNRLA

Gabriel Vinicius disse...

http://www.youtube.com/watch?v=UvSqmacdBVc&feature=plcp Eu quebrei o Record Mundial de SCP ajudem ai na divulgação...

Gabriel Vinicius disse...

http://www.youtube.com/watch?v=UvSqmacdBVc&feature=plcp Eu quebrei o Record Mundial de SCP ajudem ai na divulgação...

Ψ۞Fŗąʼnċeşċą۞Ψ disse...

negrinho do pastoreio é uma história da minha cidade, tem até uma estátua dele no centro. É uma pena que João Simões Lopes Neto não se tornou um escritor famoso, a poucos dias atrás fui ao cemitério ver o túmulo dele e está bastante depredado, uma pena.

Erika -.-' disse...

A versao original é muito melhor.

AcDcMoshPit disse...

vou parar de fazer cócegas na minha namo o0

AcDcMoshPit disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
AcDcMoshPit disse...

O galera do medo b oq vcs acham da série "T.A.P.S Ghost hunters" vdd ou falso posta ago sobre o assunto ae

Gabriel Vinicius disse...

http://www.youtube.com/watch?v=UvSqmacdBVc&feature=plcp Eu quebrei o Record Mundial de SCP ajudem ai na divulgação...

Unknown disse...

Morrer de cócegas deve ser algo tenso!

shay, oi disse...

Peraí...essa do Negrinho pastoleiro me lembra Candyman Oo

shay-sama disse...

do pastoreiro*

Lucas Abelleira Jaeger the gostoso (h' disse...

Vc tirou isso da mundo estranho lol. Põe créditos? :P Gostei igualmente

Tales disse...

Mundo Estranho detected '-'

Marcela disse...

Eu adoro pesquisar sobre as versões originais dos contos de fada, mas nunca pensei que as histórias do folclore brasileiro também pudessem ter "versões originais", mas que coisa! Achei bem interessante!

Emery disse...

Eu já conhecia a versão verdadeira do menino do pastorei, mas quanto o pó de pirlimpimpim! sempre desconfiei !kkkk

Lucas_porfavor disse...

Na minha infancia o folclore brasileiro era mais valorizado e divulgado, e olha que nasci em 92.

Gabriel França disse...

Poderia fazer um post mais detalhado sobre o nosso rico folclore brasileiro.

http://monteolimpoblog.blogspot.com.br/2012/08/the-walking-dead-torn-apart-legendado.html

Luis Henrique disse...

"cheiravam o pó para viajar no tempo e espaço."
HOLY
FUCKING
SHIT

Elriolt disse...

Existe um livro chamado "Dicionário do Folclore Brasileiro" do Luis da Camara Cascudo. É muito bom, lá descobri muitos mitos que não conhecia, como o Capelobo, a Velha Pisadeira etc.

Rafa disse...

Cade a mula sem cabeça? Curupira? Cabloco d'agua? que post fraco em! :/

Rafa disse...

Cade a mula sem cabeça? Curupira? Cabloco d'agua? que post fraco em! :/

DA disse...

O folclore brasileiro hj está em queda livre no quesito popularidade, isso pq a produção cultural brasileira parou no tempo. Em vez de produzirmos filmes, séries, ou qualquer coisa que valorize nossos costumes e tradições, insistimos em comprar tudo pronto dos EUA. O resultado disso são filmes, séries, games e até músicas que propagam a cultura estado-unidense. Um grande exemplo disso é o apreço de muitos brasileiros por zumbis (apreço tão grande que organiza caminhadas zumbis anuais). Zumbi é parte do folclore africano, mas o zumbi que o brasileiro gosta é o americano, aquele que vem de vírus biológico. Essa "modalidade" de zumbi é folclore americano. A nossa contraparte seria o lobiomem, lenda genuiamente brasileira, mas desde crepúsculo ninguém mais leva lobisomem a sério.

Panini disse...

Zumbi não é africano, é da américa central mais precisamente do Haiti. E a Iara não atrai os homens para o fundo do mar, atrai para o fundo do rio. É uma "sereia" de água doce.

Billy Pouster disse...

Cheiravam o pó......DOASOKDPAOSKDOPASPODAEPODKAOEPKDAOPKDPAKOPAEDKOAEKDAOEP....Ai vey,essa do negrinho do pastoreiro é pesada até :C

junior disse...

http://www.youtube.com/watch?v=GvM6LmA5Buw

Gabriel Kolbe disse...

Olha só, é saci pErerê, não pArerê e negrinho do pastoreiO, não pastoreiRO.

fora isso, muito bacana o post. Podia dar uma detalhada maior nos folclores ;D

abraços!

Léo Ottesen disse...

"Na história real(sic)" Mano, a Iara é uma lenda; não existe história REAL.
Tirando isso, muito bom o post e, só pra enriquecer, o negrinho do pastoreio é uma lenda do sul do país - uma exceção ao folclore nacional majoritariamente amazônico.

Unknown disse...

Léo Ottesen, o que quiseram dizer é que era a história "original", não real e o sul do país continua sendo parte do país, ou seja, nacional.

Lays Pires disse...

Que testa