20 de outubro de 2012

Chuva de animais

Opa! Baumcuméquita?

  A chuva de animais é um fenômeno lendário relativamente raro, que sucedeu em algumas cidades ao longo da história. Os animais que costumavam cair do céu eram peixes e sapos, e por vezes pássaros. Em certas ocasiões os animais sobreviviam à queda, principalmente os peixes. Em muitos casos, no entanto, os animais morriam congelados e caiam completamente encerrados em blocos de gelo. Isto demonstra que foram transportados a grandes altitudes, onde as temperaturas são negativas. A violência deste fenômeno é palpável quando caem apenas pedaços de carne, e não animais inteiros. 
      Na literatura antiga abundam os testemunhos de chuva de animais, ou de chuvas de diversos objetos, alguns deles orgânicos. Poder-se-ia remontar ao Antigo Egito se se der crédito ao papiro egípcio de Alberto Tulli (cuja própria existência é controversa e do qual se diz que registaria fenômenos estranhos, como o surgimento daquilo que a literatura sobre fenômenos paranormais interpreta como um OVNI. De modo particular, regista-se também a queda de peixes e pássaros do céu. 
      Na Bíblia narra-se como Josué e o seu exército foram auxiliados por uma chuva de pedras que cai sobre o exército amorita. A Bíblia evoca outras intervenções celestiais deste tipo, como o surgimento de rãs, numa das dez pragas do Egito (Êxodo 8:5,6). No século IV a.C., o autor grego Ateneu menciona uma chuva de peixes que durou três dias na região de Queronea, no Peloponeso. No século I, o escritor e naturalista Plínio, o Velho descreveu a chuva de pedaços de carne, sangue e outras partes animais como rã. Finalmente, na Idade Média, a frequência do fenômeno em certas regiões levou as pessoas a crer que os peixes nasciam já adultos nos céus, e de seguida caíam no mar.
[leiamais]
 Testemunhos na época moderna
  • Em 1578, grandes ratos amarelos caíram sobre a cidade norueguesa de Bergen. 
  • Segundo um tal John Collinges, uma chuva de sapos fustigou a aldeia inglesa de Acle, em Norfolk. O taverneiro do lugar retirou-os às centenas.
  • Numa cidade do Essex, Inglaterra, aconteceu uma chuva de peixes como salmões, arenques e pescadas. Os peixes foram vendidos pelos comerciantes locais. 
  • Em 11 de Julho de 1836, um professor de Cahors enviou uma carta à Academia de Ciências Francesa, que dizia: 
"Esta nuvem trovejou sobre o caminho, a umas sessenta toesas de onde estávamos. Dois cavalheiros que vinham de Toulouse, nosso destino, e que estiveram expostos à tormenta, viram-se obrigados a usar os seus abrigos; mas a tormenta os surpreendeu e os assustou, já que se viram vítimas de uma chuva de sapos! Aceleraram a sua marcha e apressaram-se; ao encontrar a diligência contaram-nos o que lhes acabava de acontecer. Vi então que a sacudir seus abrigos diante de nós, caíram pequenos sapos."


  • Em 7 de Setembro de 1953, milhares de rãs caíram do céu sobre Leicester, em Massachusetts, Estados Unidos. 
  • Em Birmingham ocorreu uma chuva de sapos em 1954.
  •  Em 1968, os diários brasileiros registraram uma chuva de carne e sangue, numa área relativamente grande.
  • Canários mortos caíram na cidade de St. Mary's City em Maryland, Estados Unidos,Janeiro de 1969. Segundo o diário Washington Post de 26 de Janeiro desse ano, o vôo dos canários interrompeu-se subitamente, como se tivesse acontecido uma explosão, que ninguém viu nem escutou.
  • Em 1978, choveram caranguejos na Nova Gales do Sul, na Austrália.
  • Em 2002, choveram peixes numa aldeia nas montanhas do interior da Grécia. O diário Le Monde escreveu:
"Atenas não é sempre bela, e menos ainda o são as montanhas no norte de Grécia. Mas as tormentas têm às vezes o bom gosto de ajudar a sorrir e a sonhar. Na terça-feira choveram centenas de pequenos peixes na aldeia de Korona, nas altas montanhas."


  • Em 2007, choveram pequenas rãs em El Rebolledo (província de Alicante, Espanha).
  • Em 2010, choveram pequenos peixes brancos, muitos deles ainda vivos, em Lajamanu, localidade de 669 habitantes, no norte da Austrália. 
  • Na noite de passagem de ano de 2010 para 2011, mais de três mil aves da espécie tordo-sargento caíram mortas em Beebe, no Arkansas, possivelmente devido ao pânico que o fogo-de-artifício causou nos animais.
     O ano de 2011 começou com pelo menos duas notícias de animais “chovendo” do céu – duas mortandades de pássaros nos EUA . No estado de Louisiana, no sul dos Estados Unidos, cerca de 500 pássaros foram encontrados mortos no distrito de Pointe Coupee. Já no estado do Arkansas, ainda não se sabe ao certo a causa das mortes de 5 mil melros que caíram sobre o pequeno povoado de Beebe, pouco depois da meia-noite do Ano Novo. É possível que fogos de artifício tenham causado a “chuva” de pássaros mortos.


     Em junho do ano passado, uma chuva de girinos intrigou os moradores de Ishikawa, no Japão. Também em 2010, a cidade de Ràkòczifalva, na Hungria, foi surpreendida por uma chuva de rãs. Em março do mesmo ano, os 650 moradores de Lajamanu, no norte da Austrália se assustaram quando centenas de peixes despencaram do céu. A região de indiana de Saurashtra teve fenômeno semelhante em duas ocasiões, em 2009.

Chuva de Peixes na Austrália


     Os moradores da cidade de Lajamanu, e, na Austrália, foram surpreendidos na semana passada com uma chuva de peixes vivos. Por volta das 18h30 da sexta-feira, 26 de fevereiro, os 650 residentes na região desértica de Lajamanu foram bombardeados por uma chuva de centenas de peixes em seus quintais, muitos ainda vivos. Desesperados, os australianos pensaram que se tratava do fim do mundo. “Achei que estivesse ficando maluca, que o mundo estava acabando”, afirmou Christine Balmer. 

     Mesmo impressionados, moradores ainda pegaram alguns animais para comprovar o ocorrido. O polícia local registrou que o fenômeno também aconteceu no dia anterior. Meteorologistas apontam que a inusitada chuva foi efeito de um tornado, que arrastou os peixes dos lagos mais próximos da região. Lajamanu é uma pequena comunidade, com menos de 700 habitantes, localizado no deserto ao norte da Austrália. Por dois dias seguidos, portanto – centenas de peixinhos brancos caíram do céu para total espanto da população local.

     No filme Magnólia, tem uma parte aonde aparece uma chuva de sapos.


Pra seguir no twitter é só clicar AQUI

26 comentários:

:S disse...

pode chover qualquer coisa menos aranha T.T

Lucas Godoy disse...

pode chover qualquer coisa menos aranha T.T

True story

laurent disse...

Mas JÁ TEVE chuva de aranhas
http://hypescience.com/as-10-coisas-mais-malucas-que-ja-choveram/
http://www.youtube.com/watch?v=2bxVIXIYgYg
http://cartunistabraga.blogspot.com.br/2012/05/aranhas-voadoras.html

laurent disse...

http://www.ahnegao.com.br/2012/06/chuva-do-apocalipse.html

Matheus disse...

Ja teve um post sobrre fratsokies aqui

lariiimoon disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk os peixes nasciam adultos no céu e depois caiam no mar kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk podia chover é dinheiro chuva de animal nao tem como aproveitar

Ricardo William disse...

Venda-os e faça o dinheiro.

guga disse...

Ainda bem que não chove vaca.¬¬

Leon Leonidas disse...

Ainda bem que não chve umbigo

Kiyoshi disse...

Ainda bem que não chove homem

Luiza Bellon disse...

esqueceu o "bons pesadelos"

vivimovie disse...

Sou filha de uma senhora nascida em 1961 e cheia de histórias pra contar. Segundo minha mãe em sua infância ocorreu uma chuva de pássaros "pardais" que assustou a todos da região, como explicação surgiu uma história de que alguém esqueceu um pacote de veneno próximo ao fubá que alimentava os passáros. Nunca acreditei nessa hipótese. Será que um pacote de veneno mataria centenas de pardais?

Luis disse...

bizarro mas eu imagino que os tornados ou trombas d'águas tem algo a ver com isso

rex disse...

chuva de ratos amarelos choveu pikachu eu queria ta la kkkkkkkkk

Fabricio_Habbo disse...

Uma chuva de paçoquinha acabaria com os problemas do Brasil *-*

rex disse...

chuva de ratos amarelos choveu pikachu eu queria ta la kkkkkkkkk

Luckas disse...

Chuva de Bacon não tem né, vida é injusta.

Juliana Brandão disse...

Cara isso acontece quando tem tornados. Eles "sugam" os animais. Quando acaba, eles caem.

Karu disse...

Dá todo um novo sentido para "it's raining cats and dogs".

Yalamix, Inc. disse...

Ja choveu uma vez. Na verdade, uns russos jogaram a vaca do avião, e ela caiu em cima de um barco japonês

Yalamix, Inc. disse...

No próximo tornado eu vou mandar um míssel cheio de bacon em cima dele e criar o primeiro tornado e chuva de bacon

ClarySama disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
ClarySama disse...

Se não chover barata já está bom demais

Dante Lopes disse...

Algumas vezes é porque as ovas são levadas junto com a evaporação da agua, então eles se desenvolvem nas nuvens e caem

Franciele disse...

bizarro

RavenClaw~ disse...

Huahauuahua comida graaaaaaaaatis!