25 de janeiro de 2013

O sexto sentido paranormal dos animais



Os animais possuem um extraordinário desenvolvimento de suas faculdades perceptivas, que lhes permite ver o que os humanos sem sequer imaginam. Com uma capacidade premonitória excepcional, são capazes de detectar a proximidade de terremotos e saber se uma pessoa está dizendo a verdade ou mentindo, por exemplo.

A sensibilidade dos animais, especialmente cães e gatos, quanto aos fenômenos paranormais, é impressionante. O parapsicólogo norte-americano Dr. Robert Morris utilizou animais como “controles” em seus experimentos durante os anos 60. Em uma ocasião, esteve estudando uma casa supostamente mal-assombrada, lá havia acontecido uma tragédia.

[leiamais]

Utilizou um cachorro, um gato, um rato e uma cobra cascavel (todos dóceis e domesticados):

Quando o cachorro adentrou menos de 1m na casa, começou a rosnar para o próprio dono e voltou para fora. De nenhuma forma conseguiram que o cachorro voltasse para dentro.


O gato entrou na casa no colo de seu dono. Quando chegou a uma distância parecida com a do cachorro, saltou imediatamente para os ombros do dono, cravando as unhas; logo pulou para o chão, dirigindo-se até uma cadeira. Passou alguns minutos bufando e olhando fixamente para a cadeira vazia, situada em um canto da casa, até que foi retirado de lá.


A cobra, ao ser colocada dentro da casa, adotou imediatamente uma postura de ataque, dirigida contra a mesma cadeira que havia deixado o gato nervoso. Após alguns minutos, girou lentamente a cabeça para a janela, para logo desviar a vista de lá e adotar novamente a posição de ataque, por 5 minutos até ser retirada.


O único animal que não teve nenhuma reação foi o rato.


Depois de um tempo, todos os quatro animais foram examinados em outro local, e se comportaram normalmente.

Então saiba que, se sentir um calafrio na espinha e seu animal de estimação se comportar de um modo estranho, sair de perto de você ou começar a rosnar para algum lugar, você pode não estar tão sozinho quanto acreditava...


Você já teve alguma experiência em que seu animal de estimação possa ter identificado uma entidade paranormal? Conte nos comentários!

Post by: Loucifre
Siga no twitter: @loucifre
O blog dela: www.proibidoler.com

Bons pesadelos...

170 comentários:

Ju Rocha disse...

Adorei a matéria! Acredito plenamente nisso! Tem um gato que fica sentado no meu portal o dia inteiro! Queria saber o por que...

Escolta disse...

Tenso maninho. Vou voltar a ter gatos em casa pra me cuidar u.u'

Luiza Lima disse...

Minha cadela fica olhando fixamente pra cima, quando está na garagem. devo me preocupar?

Lucas Venceslau disse...

@Ju Rocha

Não é um gato, é Minerva McGonagall !!!

Nós queremos te levar a Hogwarts, venha conosco!

Rafael Jacques Machado Rafael disse...

Que a percepção deles é mais ampla que a nossa, é óbvio. Agora essa experiência, se fosse algo real e importante teria sido documentada. Se um cientista quer provar algo, ele tem provas, senão vive para sempre só nas teorias e no disse-me-disse.

Lucas Venceslau disse...

Luiza Lima, provavelmente alguém morreu na parte de cima de sua garagem, e o assassino enterrou a pessoa lá, provocando o estranhamento de sua cadela!

Naiiane Sama disse...

Minha cadelinha mais nova tem a mania de latir e muda muito de comportamento perto de uma arvore que tem aqui no quintal de casa, os pelos dela arrepiam como os de uma gato bravo. Já a minha outra cadelinha (a menor e mais velha)não muda de comportamento nesse lugar, ela só evita passar la!

Márcia Kleinhans disse...

Gostei do post, eu ja havia ouvido falar, inclusive minha avó comentava que cães e gatos sentiam ou viam espiritos. Quanto ao meu cão, ele já fez isso muitas vezes, inclusive olhar para um determinado ponto da parede e abanar o rabo, ele nunca ficou nervoso, todas as vezes que ví, ele ficava contente, eu então perguntava pra ele o que era e ele latia feliz para esse ponto "vazio". Ainda bem que minhas experiências foram boas...

Marcio Rogério disse...

Agora arrumei dois gatinhos. Mas até o momento o comportamento tanto no meu apartamento quanto na casa dos meus pais é normal, graças a Deus hahahaha...

Parabéns pelo post, achei muito interessante mesmo.
Abraço.

Gerson Fernandes disse...

Uma vez eu tava na cama meu gato começo a rosna olhando pra mim e eu senti um arrepio... foi tenso akele dia...
de madrugada ainda... que por coicidencia minha irma acordou de um pesadelo aos gritos...

Gerson Fernandes disse...

Uma vez eu tava na cama meu gato começo a rosna olhando pra mim e eu senti um arrepio... foi tenso akele dia...
de madrugada ainda... que por coicidencia minha irma acordou de um pesadelo aos gritos...

Andrezza Codogno disse...

Quando eu tinha 11 anos, eu era apaixonada pela banda RBD. E eu comprei um poster do Miguel KKK e coloquei na porta do meu quarto. O poster era enoooorme, cobria quase toda a porta. Um dia meu cachorro entrou no meu quarto e olhou o poster pela primeira vez, e na hora ele abaixou o rabo e começou a rosnar e a latir pro poster.. No mesmo minuto eu tirei meu cachorro e o poster do quarto, rs.

Selena Dorneles disse...

Andrezza acho que seu cachorro não era muito fã de rbd não hein kkkkkkkkk

dedemorenna disse...

na minha casa já morreram duas pessoas e meu cachorro vire e mexe ta rosnando dentro de casa,fora minha sobrinha que fica falando de um monstro no quintal D:

ichimoku ren disse...

teve um dia em que eu fiquei sozinho em casa , estava tudo normal dai do nada começou um vento muito forte que fez bater varias portas e janelas com isto minhas cachorras começaram a rosnar e sair correndo pela casa , quando elas se acalmaram voltaram para o quarto onde eu estava com o rabo entre as pernas e ficaram latindo pro nada durante muito tempo neste dia.

Henrique Gonçalves disse...

Olha um dia estava assistindo tv e minha irmã meu pai ajudando a minha irmã a fazer tarefa da escola, até q derrepente escuto minha irmã gritar e chorar e os 2 cachorros começaram a latir no corredor e eu vou correndo para lá para ver o q estava acontecendo com eles, eles estavam latindo no fim do corredor e só pararam quando eu e meus pais chegaram, após isso perguntamos para minha irmã o q fez ela gritar e chorar e ela respondeu q viu uma mulher passar pela janela do corredor.
Estranho n os meus "dois" cachorros começarem a latir bem no lugar onde a minha irmã viu um digamos q vulto ...

Unknown disse...

Bem um dia eu tava com meu gato ele era pequeno nessa epoca ele sempre rosnava quando ficava no quintal então eu pensei q era outros gatos mas ate hj meu gato ja esta bem + velho ele ainda fica olhando para o nada e quando eu toco nele ele me morde

Binho disse...

Dizem que cachorros, gatos e cavalos são sensitivos.
Eu tinha uma vira-lata muito dócil que infelizmente foi atropelada por um caminhão. As vezes me deitava no sofá pra assistir TV e ela se deitava entre minhas pernas pra dormir. Do nada, muitas vezes, ela olhava para a parede, seus pelo oriçavam e começava a latir. Eu instigava ela e ela pulava do sofá e ficava latindo pra parede.
Nunca aconteceu nada de mais. Nunca vi nada... mas que tinha alguma coisa ali, certamente tinha.

Binho disse...

Ah sim... e dizem que crianças até uma determinada idade tem o dom de ver as coisas tb.

Jessy Galan disse...

Eu tinha um gato que sempre ficava olhando pra cima, na parece do meu quarto. Sempre achei que ele estava vendo alguma coisa, mas nunca vi nada. Um dia ele estava no corredor e sem motivo nenhum ficou todo arrepiado e com medo! Isso me deu uma sensação ruim!

Maris disse...

Meu gato já fez dessas, sentou no canto da parede e ficou olhando pro nada e resmungando. Tenho certeza que ele via alguma coisa ali. É macabro isso.

michael disse...

uma vez tava em chegando em casa minha cadela costuma durmi no qarto de mi mae ela tem um traveseiro qpoem no qarto qando chegei minha cadela tava latindo pa dentro do qarto asim du nada o traavesero dela fika la fora so qando for dormi q poen la no qarto qnd entrmos no qarto o travesero tava forrado certin no qarto e ngm pois ele la ele apeceu do nada e minha cachora latino do nds coicidencia neh

Wesllem rafael disse...

cara eu sei que é dificil de acreditar mas essa habilidade pelo menos nos gatos eu garanto que é verdadeira já vi varios casos assim.

Deborah Ramos disse...

Já aconteceu algo assim comigo também. Minha gata é toda felizinha e boazinha, nunca rosna nem fica ouriçada nem mostra os dentes. Um dia, do nada, ela parou no meio do corredor de casa, arrepiou todos os pelos e começou a fazer aquele rosnado assustador de gato. Eu peguei ela no colo e levei adiante pelo corredor, pra tentar achar o que estava assustando tanto ela, porque eu achei que fosse, sei la, outro gato, mas não tinha nada lá! Mesmo assim ela ficou doida, desesperada, me deu uma arranhada, pulou no chão e saiu correndo. E eu, obviamente, saí correndo atrás dela me borrando de medo hauhauhauahuah
Depois disso, sempre que eu sinto aquele arrepio na espinha, aquele pavor do nada sem motivo, eu corro pra achar a gata pra ter certeza de estar segura xD

Yaoi Brasil disse...

Isso acontece muito comigo quando vou na casa da minha avó. La mora meu cachorro chamado Floquinho, pois ele e um Dálmata. Apesar desse raça ter um porte grande ele e médio. A casa da minha avó, ela diz, que antes de ser uma casa era um sanatório que foi derrubado e era usado para esconder corpos nos tempos nazistas. Essa casa e passada por testamento então quando crescer ela sera minha. Quando vou dormir la, não e muito agradável, pois escuto vários barulhos e rangidos, principalmente no sotão. Um dia decidi dormir na casa dela e estava animada, pois era minha 1 semana de férias e queria ver meu bebé ( meu cachorro kkk ). Tudo ocorreu bem de dia, como sempre, mas então a noite chegou e minha avó pedia pra eu ir arrumar as camas, pois dormimos no mesmo quarto. Quando estava indo dormir, meu cachorro chega e começa a se enrroscar na minhas pernas com medo. Decidi levar ele pra dormir comigo. Quando deu umas 00:45 ele do nada começa a tremer e olhar devagarzinho, quase com medo, para todos os cantos do quarto. Ele vai pra perto de mim e fica em postura protetora e começa a rosnar pro quadro da minha avó, que e uma cigana, que eu nunca gostei. Ele começa a latir muito e sobe em cima de mim tentando me proteger não sei do que. Minha avó acordou e acendeu a luz. Assim que ela fez isso o quadro espatifou no chão. Meu cachorro parou de latir e fomos pra perto do quadro pra ver se o prego tinha soltado. Não tinha. A corda que segurava e o prego estava inteirinhos, como se alguém tivesse empurrado o quadro, sendo que ele não atingia a cabeceira, que fica logo embaixo dele. Depois disso, tudo voltou ao normal e meu cachorro foi morar comigo, porque ele começou a ficar doente. Agora ele esta bem .

Pastel de Feira disse...

Crianças também conseguem ver além até uma certa idade. Meu sobrinho hoje tem 6 anos, mas quando tinha uns 3, viu em diferentes locais aqui do prédio um palhaço(uma vez na garagem e outras duas no quarto dele), sendo que ninguém nunca o assustou com alguma estória sobre o assunto. Mas pelo comportamento dele, o bicho dava medo, porque nessas ocasiões ele saiu correndo, assustado e quase chorando. Mas isso já não acontece mais.

Luciana disse...

quando eu era pequena eu morava na casa da minha avó ai em um certo dia eu ganhei um gato ele já um pouquinho grande já. Certo dia eu fui colocar a comida dele, ai eu o peguei e fui na cozinha pegar a ração dele e do nada ele pulou do meu colo e começou a rosnar olhando fixamente para o a entrada da cozinha que da para o corredor e depois ele foi correndo para o lado de fora, nem por nada o gato entrava dentro de casa de novo. tentei a todo custo colocar ele pra dentro, mas ele me arranhava e me mordia. desde esse da eu fiquei tentando compreender sobre o que ele viu de tão ruim

fofocas F.B.H disse...

quando eu tinha 3 anos tive 8 gatos e eu morava perto de um bosque e toda noite eu ouvia um rosnado e um grito horrivel e dia as vezes os gatos olhavam pro bosque e rosnavam se eriçavam todos acho que se tinha um monstro no bosque meus gatos devem ter impedido de entrar em casa

Maria Fernanda disse...

O gatinho do último GIF é muito lindinho *--*
Várias vezes meus cachorros latiram do nada à noite,além disso às vezes minha gata fica meio inquieta quando entra no quarto da minha avó (que faleceu),mas tem vezes que ela está bem tranquila,acredito que ela sinta mudanças na atmosfera de la´

Marcelo disse...

RAFAEL JACQUES, as experiências do Dr. Robert Morris são amplamente documentadas e citadas em vários livros.


http://books.google.com.br/books?id=xpoVHhMSbYkC&pg=PA114&lpg=PA114&dq=Dr.+Robert+Morris+experi%C3%AAncia+animais&source=bl&ots=4KwZs2ChY_&sig=18TjCAyQbmWeGeOfFtuEiuCzM2U&hl=pt-BR&sa=X&ei=UpACUYmqC5La8ASE6YHwBA&ved=0CDoQ6AEwAg#v=onepage&q=Dr.%20Robert%20Morris%20experi%C3%AAncia%20animais&f=false

http://www.mortesubita.org/psico/textos-de-psicologia-bizarra/fenomenos-psionicos-caes-telepatas

http://books.google.com.br/books?id=GMHbiEthl_AC&pg=PA273&lpg=PA273&dq=%22Robert+Morris%22+experi%C3%AAnciaS+animais&source=bl&ots=M9yYqkvy43&sig=_Nxz-XI19NnFslm0j8t86fT7fJA&hl=pt-BR&sa=X&ei=35ACUdmAFIXe8ASXx4DICg&ved=0CE8Q6AEwBQ#v=onepage&q=%22Robert%20Morris%22%20experi%C3%AAnciaS%20animais&f=false

Fabricio_Habbo disse...

Não sei dizer se eles sentem fantasmas ou não, mas sinto que eles melhoram o ambiente, onde eles estão fica mais calmo e agradável...

Ariel Zieri disse...

Uma certa vez, há uns 3~4 anos atrás, meus pais haviam viajado e passei uns 3 dias sozinho em casa, minha cachorrinha estava aprendendo a latir, ela ficava no quarto comigo e eu quase n saia dele por causa do computador hahaha, de repente eu percebi, msm com o headphone, que esporadicamente, ela ia até a porta do quarto, colocava só a cabeça pra fora olhando pro corredor e latia, ela n latia direito porque ainda era novinha, ela fez isso algumas vezes e eu fui verificar, e novamente ela foi e latiu... eu tinha imaginado algo do tipo, agora com esse post ai tenho certeza haha! Eu hein...

Rosi disse...

Já aconteceu comigo. A minha cadela uma vez começou a latir como se tivesse alguém enfrentando ela... ela foi recuando pra dentro de casa de costas e cada vez mais brava. sai da cozinha pra ver se tinha alguma coisa no corredor, mas não tinha nada! Detalhe: moro na roça, era de madrugada e a cozinha é pra fora de casa. Tudo pra deixar a experiência bem ''tranquila''!

Jardel Rodrigo Holub disse...

Meu cachorro é muito bobo, late por qualquer bobeira, seria dificil identificar quando tem algum capiroto. :B

Manoel djesus disse...

Meu cachorro late no meu quintal por nada 24 horas por dia nunca morreu ninguem aqui que eu saiba tem tres casas no quintal e eu dou comida pra ele

João felipe disse...

Minha cachorra agia normal , mais depois que o pai do meu padrasto morreu , ela toda vez olha para a cozinha e começa a latir , pq antigamente o pai do meu padrasto ia na cozinha e dava comida para ela

Molly Doce disse...

Eu já, eu estava na sala brincando com o meu gatinho e ele estava no meu colo eu estava sentada no sofá da sala, ai do nada o meu gato começou a rosnar eu achei estranho e estava de noite! e eu era a única a estar na sala com o meu gato, então ele do nada saiu do meu colo olhou para televisão e ele com a pata mostrou as unhas como se tivesse arranhando alguém e rosnando ai ele deu um miado bem alto e se jogou no sofá que eu estava sentada depois saiu correndo pro meu quarto depois ele saiu do meu quarto ele olhou pros lados e sentou novamente no meu colo, e eu fiquei com muito medo e tipo era uma 01:09 M e estava tudo escuro até a luz da sala onde eu estava tava apagada' e tipo deu muito medo' E até depois disso fui dormi' Depois nunca mais aconteceu isso! :/'

Zuky disse...


Eu um dia estava na sala da casa da minha mae assistindo tv de madrugada e ela estava dormindo quando os meus 2 gatos que estava dormindo de meu lado acordaram a começaram a encarar um dos sofas da sala por uns 5 minutos e depois ficaram pulando pela casa.

Mariah Cobain disse...

Eu estava na cozinha fazendo miojo quando a minha cadela começou a rosnar para "algo" que provavelmente estava do meu lado, então ela começou a latir e se afastar. Eu fiquei com medo e saí correndo =S

Guerrilha disse...

ahahah eu sou cético quanto a espíritos, mas eu sempre escutei passos do lado de fora do meu quarto (que dá direto para o quintal), e um dia minha cachorra estava dormindo cmg, ela levantou e olhou para a porta, comecei a achar q não era coisa da minha cabeça, na mesma noite de madrugada, acordei com ela rosnando para a porta...já senti algo sentando em minha cama ( que é de casal), mas não ligo muito, sempre que acontece algo assim é pq estou preocupado com algo, nessa ocasião, foi na primeira semana de vestibulares...então eu acredito que seja algo da mente

Fernando Alexandre disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Fernando Alexandre disse...

Me lembro que numa madruga, eu estava deitado no sofá vendo um filme, as luzes estavam todas apagadas e minha cadela estava deitada no seu colchão ao lado do sofá... do nada ela olha pro teto fixamente e começa ranger e latir, depois de alguns minutos ela parou... falei com meu pai que é espirita ele disse que podia ser alguma entidade que estava ali.

Feernando Andrade disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Lucas Fernandes disse...

Faz uma Semana que minha cadela pulou do sofa e começou a latir pro corredor aki em casa sem ter nada lá ficou latindo depois parou e ficou encarando o corredor vazio, ficou parada por mais de uma hora olhando fixamente, depois se acalmou e voltou para o sofá.

Eu já tinha medo disso, agora depois desse post tô me cagando todo!

Maria Victória Lima disse...

Certa vez minha cadela estava dormindo na caminha dela ao lado da minha cama, o quarto todo escuro. Acordei com os latidos e rosnados dela, direcionados para a ponta da minha cama. Logo me deu aaaaqueeele calor, estava morrendo de medo. Dai depois de meio minuto ela parou. E eu não consegui dormir mais...

Maria Victória Lima disse...

Certa vez minha cadela estava dormindo na caminha dela ao lado da minha cama, o quarto todo escuro. Acordei com os latidos e rosnados dela, direcionados para a ponta da minha cama. Logo me deu aaaaqueeele calor, estava morrendo de medo. Dai depois de meio minuto ela parou. E eu não consegui dormir mais...

Sabrinastar122 disse...

Eaibelezai?

1° experiencia
Qnd eu tinha 8 anos, eu morava atrás da minhaa padaaria... Dai, uns 11 gatos iam lá sempre, porque o cheiro de salgados vinham pra casa...
E eles sabiam que eu sempre sentava na area pra comer um enroladinho..
Tipo... NINGUEM, podia tocar naqueles gatos além de mim... Não porque eu tinha ciume... Mas porque eles não deixavam...
Ok... Parte terror :
Era umas 09:30 da noite... Meu pai assistindo a chatice do jogo, minha mãe e minha irmã conversando no quarto... E eu na area..
Boom,os gatos sempre dormiam no corredorzinho porque era quentinho... Então do nada, eles começaram a rosnar e arrepiar os pelos pra porta que dava pra cozinha da padaria... E um breu total lá... Caara, os gatos começaram a tipo.. Faze um circulo em volta de mim... Eles olhavam pro mesmo lugar, era como se queriam me proteger... Dai eu gritei : - MÃAAAE
Tipo... Um vento bateu rapidinho, e os gatos voltaram a dormir.

2° experiencia

Lá tava eu dormindo... De booas...
A cama era beliche, eu encima e minha irmã embaixo...
A janelinha que dava pro corredorzinho que os gatos dormiam ficava aberta.. Porque o corredor era coberto e tinha umas tabuas lá que só os gatos passavam...
Boom... Outro ventinho daquele --'
Dois dos meus gatos subiram nas grades da janela e ficaram lá olhando pra parede do corredor... CAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAARAA !!
EU JURO JURO JURO JURO JUUUUUUUURO..
EU VI UMA SOMBRA BRANCA EM FORMA DE CORPO FEMININO !!! MANOLO... DEI UM GRITO TÃO ALTO QUE OS GATOS DERAM UM SALTO !!

A segunda experiencia foi ano passado em novembro... Quando ainda não tinhamos nos mudado... E vendido a beliche... Que ameaçava cair...
E o mais estranho é que... No dia que a gente foi se mudar... Eu levei os gatos a pé pra outra casa... Botei coleira e correntinha em todos...
Os bola de pelo protetores fizeram outro circulo em volta de mim... E só ficaram normais quando entramos na nova casa D:

MEDA MEDA MEDA MEDA MEDA MEDA MEDA !

Wyddown omelhor disse...

Um dia eu tava deitado na cama no meu quarto ai alguem bateu na porta e tentou abrir meuy chachorro ficou rosnando pra porta abri n era ninguem ai meu cachoorro correu latindo que nem louco pra sala e dps olhando pro corredor

Marcela Fabreti de Oliveira disse...

Eu sempre fui corajosa de mentirinha. Via filmes de terror até cansar sem sentir medo algum, mas qualquer estalinho dentro da casa já era suficiente pra me fazer correr pro quarto e fingir de morta. Ainda nessa época da "coragem de mentira", eu devia ter uns 10, 12 anos, minha mãe chegaria de madrugada e me deixou sozinha em casa à noite com nossa cachorra. Tava tudo ótimo até que fui pro meu quarto, a cachorra foi atrás e assim que passou pela porta ela meteu o rabo entre as pernas e começou a rosnar e a latir feito louca, só ficou quieta quando a levei pro quintal. Quem disse que dormi no meu quarto naquela noite?

Ana Bayer disse...

Sim,minha cachorra late todos os dias,de noite,em direção ao canil que era de uma antiga cachorra nossa,e ela costuma entrar lá e passar boa parte da noite lá dentro,rosnando :|

Gabriel disse...

Kkkk direto ! Tenho 9 cães , imagine tudo isso de radar *-*

Gabriel disse...

Kkkk direto ! Tenho 9 cães , imagine tudo isso de radar *-*

Marcos Henrique disse...

Por isso dizem que a ignorância é uma benção. Já pensou ter os sentidos dos animais e ficar vendo essas bostas direto???


Ia ser dahora - hsuahsuahsua

Rodrigo disse...

Cara, quando eu tinha 7 anos eu morava em uma casa de 3 andares q os vizinhos diziam ser assombrada... Enfim, em diversas ocasiões meu cachorro (que eu tenho até hj, ja tem 10 anos) Começava do nada a latir em direção ao portão, não pq tinha alguem passando (quando tinha alguem passando ele ia até o portão), na verdade ele nem sequer chegava perto do portão pra latir , ele simplesmente latia do nada e n chegava perto, mantinha distancia do portão mas continuava latindo... E nessa casa eu tive diversas experiencias, como ouvir barulho de Marretadas de madrugada, ou ver coisas estranhas (como uma perna de boi se mechendo)...

Guilherme Zorzan disse...

Ja aconteceu do meu gato começar a rosnar pro nada e dps pular pra mim Fiquei com medo ;_;

Unknown disse...

Post muito bom MedoB como sempre! Quando eu tinha 15 anos passei por uma situação semelhante as que os leitores descreveram anteriormente.. Era madrugada, em torno de 1am, minha cachorra sempre foi muito dócil e calma. Ela costumava dormir dentro de casa, no sofá da sala. Quando deu 1am, escutei ela arranhando a porta do meu quarto, então levantei e abri pra ver o que estava acontecendo.. logo que abri a porta, ela entrou chorando no meu quarto.. então fui na sala.. e sabe quando você sente que não esta sozinho?! Foi a experiência mais sinistra que já presenciei. A propósito, minha cadelinnha não voltou pra sala naquela noite/madrugada. Dormiu no meu quarto comigo.

◄Habblitz► disse...

Eu sei lá, se todos cães são assim, mas eu tenho 7 aqui na minha casa e todos eles em algumas vezes não é sempre, mas todos eles ficam olhando para a parede rosnando por volta de uns 10 s e todos vão ao mesmo tempo "ataca-la" nessa minha casa foi onde minha avó morre ! Será deve ter alguma coisa haver ?

Antônio Oliveira disse...

Posso postar a tua historia no meu blog? se tu quiser é só mandar pro eclipsedoano@gmail.com

Antônio Oliveira disse...

Acessem eclipsedoterror.blogspot.com
O blog ainda está no começo mas é legal.
Ah, e Ju Rocha eu acho q teu portal é uma passagem pra outro mundo (°o°) ou ele quer entrar ou gosta de ti!

julia sandes disse...

adorei o post cade vez melhor! muita gente e ai esta falando de suas experiencias com cachorros, gatos e sobrinhos menores, mais não são só as crianças q sentem as presenças e veem alguma coisa, pois eu desde os meus 3 anos de idade vejo e ouso esses espiritos, vou contar a minha experiencia, era de noite eu devia ter uns 5 ou 6 anos, meus pais tinham saido jundo com o meu irmão mais velho, e eu estava sozinha com o meu avô q quase não saia da cama ( pois ele meio q ficou depressivo apos a morte da minha avó), nesse dia eu tava começando a ficar muito assustada pois meus pais não chegavam, eles estavam demorando demais ai eu foi ate portãozão q dava pra rua pois eu morava em uma casa q era como um sitio, ai eu fiquei uns 10 min esperando eles bem antes do portão, e ao me virar para voltar para casa eu me deparei com a minha avó q havia morrido, eu não tive reação a não ser sair correndo, eu fui para a minha cama e fiquei chorando ate meus pais chegarem em casa.

e minha segunda experiencia e nessa casa onde eu to morando agora, certas noites quando fiko sozinha em casa, eu nunca me sinto bem pois eu sinto certas presenças aqui, e quando eu viro para o lado eu vejo vultos negros andando pela casa, eu me faço de desentendida e continuo fazendo o q estava fazendo, muitas vezes depois de ver os vultos começo a ouvir vozes e como sempre me finjo de desentendida e volto a fazer o q fazia antes, ai a luz do meu banheiro começa a piscar quando eu vou na cozinha e me vem aquele arrepio na espinha como se algo estivesse atrás de mim, muitas vezes tbm sinto certos pesos nos ombros como se tivesse alguma coisa em cima deles. e eu só tenho apenas 16 anos.

Antônio Oliveira disse...

Posso postar a tua historia no meu blog?
Se quiser manda os fatos mais estranho pro eclipsrdoano@gmail.com

Antônio Oliveira disse...

Eu tento pensar assim, mas nem sempre consigo kkk

julia sandes disse...

vai ser um prazer te ajudar com suas postagens no seu blog, pois tenho muitas historias sobre isso, eu tbm não consigo, fica aquele calafrio dentro de mim quando faço isso rsrs

Eron Torres disse...

comigo tbm aconteceu algumas coisas já, antes de reformar minha casa, tinha uma cachorrinha chamada tuca, ela sempre agia normalmente, ate o dia em que começou a reforma, ela ficava latindo pro nada, rosnando, ficou assim até terminar a reforma mas até ai td bem..pois eu não tinha passado por nenhuma experiencia "assustadora" dentro de casa, até depois que terminou a reforma, certa vez estava tomando banho como de costume lavo o cabelo com o olho aberto normal e nesse dia estava olhando para o rodo que estava encostado na parede, ele simplesmente desencostou da parede se inclinou para frente e votou a encostar na parede bem suave, claro fiquei apavorado nem terminei de tirar o shampoo do cabelo e sai do banho..no dia seguinte essa minha cachorra estava latindo loucamente na porta do banheiro olhando para onde o rodo tinha mexido, passou alguns meses no máximo um ano e ela morreu =/


depois de um bom tempo sem nenhum animal de estimação conseguimos um gatinho ( tico ) super dócil calmo, e brincalhão, só q as vezes ele fica rosnando pela casa, sem ter nada de errado, e no banheiro tbm, e uma certa vez ele estava deitado na janela do meu quarto ( ele sempre fica na janela de noite ) e nesse dia ele Deu um pulo da janela, super assustado e correu para o quarto da minha mãe, rosnando, então fui ver o q tinha assustado ele mas não tinha nada no corredor esse corredor da para o quintal de casa, mas não tinha nada la!! acredito sim q ele tenha visto algo q eu não tenha visto, pois eu mesmo depois da experiencia do banho e o rodo, tenho visto coisas estranhas em casa, tento fingir q nada aconteceu mass claro q da aquele medo hehe tenho muitas outras historias q ja aconteceram comigo aqui em casa na rua e na casa do meu irmão (sinistro ) mto msm

LEMBRANDO QUE O POST ESTA PERFEITO MEDO B!!! MELHOR BLOG Q EXISTE hehe

Clarissa Castelar disse...

Acho esse um tema muito interessante e vasto, poderia ser um post beeeem mais amplo.
Não há nenhuma novidade aí para mim.


O.T.T.O disse...

Nossa, eu tava comendo um sanduiche com uma amiga do meu pai e o cachorro dela da raça rottweiler, quando do nada o cachorro começa a olhar para a pick-up que estavamos e rosnar sem ter NADA lá ( nada que nós teriamos a capacidade de ver) e ele continuou rosnando, quando íamos embora o cachorro nao quis entrar no carro, ele tava rosnando pra algo que estava de baixo do carro, queria atacar aquilo... ela é descendente de indígena e da religião espirita então me explicou que os animais vêem espiritos e se forem mau intencionados eles rosnam.

Kensuke Reborn disse...

na cidade de Salto Grande sp por volta das 3 da manhã todos os cachorros do bairro em que morava uivavam inclusive minha cachorra, isso sempre me assustou!

xDDevil disse...

Ta sendo mais legal ler os comentarios do pessoal do que o post kkkkk

Nadia disse...

Eu tenho um gato preto de 2 anos. A casa em que moro, pertenceu a uma família de libaneses que construíram e moraram na casa durante 30 anos. Quando eles venderam para mim, se mudaram para uma casa no interior, e poucos meses depois, o senhor idoso que morava aqui, veio a falecer. Até aí tudo bem, mas minha mãe, que diz ter um sexto-sentido, diz ouvir passos subindo as escadas de madeira durante a noite, já tive várias discussões com ela, pois ela insiste em dizer que sou eu subindo as escada, quando na verdade estou dormindo, e não sou sonâmbula. Além disso, meu gato sobe todos os dias as escadas, enquanto estamos no andar debaixo na sala, e fica miando sozinho para o nada, em meio a escuridão do andar de cima, durante horas. Eu já fui lá ver, mas não vejo nem sinto nada. Tenho interesse por estudos que envolvem a percepção animal, principalmente sobre gatos pretos, por serem animais que mais são associados ao misticismo.

Heitor disse...

Um tio meu havia mudado pra pirapora e morava numa república, meu cachorro, um pastor alemão chamado Eros mudou com ele, já que minha família também iria se mudar poucos dias depois pra um apartamento em montes claros e obviamente não caberia um cachorro tão grande lá dentro. Em certa ocasião, meu tio havia ficado sozinho com o cachorro na república por uma noite e resolveu levá-lo pra passear a noite, uma volta pelo quarteirão só. Na volta, ele estava passando pelo beco da casa que ia direto pro quintal, pra deixar o Eros lá e colocar ração e água. Do nada o cachorro pára e começa a latir, rosnar e puxar a corrente como se pra atacar. Meu tio disse que quando olhou pra mesma direção dele só conseguiu ver uma mulher num vestido branco aos trapos, sem boca e também sem expressão no rosto. Correu pra cama e foi dormir, Eros o acompanhou latindo e rosnando. Meu tio teve pesadelos por algumas semanas a começar por aquele dia. Quando acordou no outro dia o cachorro ainda estava do seu lado, mas sentado. Logo que levantou da cama, o Eros saiu e ficou por algum tempo cheirando (farejando talvez) todo o beco. Ainda pela manhã ele nos ligou e contou toda a história. Bem estranho e realmente aconteceu. Até hoje penso nisso. Alguém tem ideia do que pode ser?

Samara Maskalenkas disse...

Saiu uma matéria MUITO interessante sobre isso uma vez na revista "Mundo Estranho" que contava vários casos de animais que demonstraram uma sensibilidade paranormal fora do comum. Lembro-me pouco da matéria, eu li rápido em algum lugar em que vi a revista (provavelmente em alguma sala de espera), mas eu lembro que era bem interessante. Seria legal se vocês dessem uma pesquisada nessa matéria e postassem aqui, ou então outros casos de animais que demonstraram esse sexto sentido.
Eu mesma sempre tive animais, principalmente gatos, e já vi reações bem diversas deles em momentos estranhos. Acho o assunto bem interessante pra focar, principalmente pra quem curte animais e uma paranormalidade básica :)

vitor artes marciais disse...

véi... isso aconteceu comigo aqui na minha casa... minha mãe tinha acabado de adotar uma gato e um dia quando era de noite, ela ficou bufando e olhando pro fundo do corredor e tava com os pelos todos pra cima... O.O

Kaenn Wellington Silva disse...

Meu cachorro late a madrugada inteira olhando para a porta, a relatos que no meu quintal a um espirito devido aqui já ter sido um centro de macumba, embora eu tenha uma sensibilidade para essas coisas eu jamais consegui ver nada aqui, embora todas as mulheres que vem aqui em casa dizem ver alguma coisa vestindo preto andando pelo quintal.

Tio Darth disse...

Meu cachorro uiva sem motivos quando tem só uma pessoa em casa. '-'

Gabi-chan disse...

A cachorra da minha amiga rosnava para a cozinha(enquanto estávamos na sala)e ela não se aproximava da cozinha.. Nós pegávamos ela no colo, e ela continuava olhando fixamente pra quela direção e rosnando.

Jean Dourado Nava disse...

O___O umas 1 ou 2 vezes por semana, a gata daqui de casa corre pra dentro de casa anoite, por volta de 12h .. da pra ve em seus olhos a expressao de pavor que ela tem.. ela nao é de assustar facil.. e quando se assusta com algo, so corre um poco e deita em outro lugar, mas quando é de noite, ela chega a arregalar os olhos.. normalmente sempre é de fora da casa que ela vem correndo.. minha cadela, nesse periodo fica sempre dentro de casa, e dificilmente sai.. so quando é espulsa na hora de dormir.. mas as vezes ela fica raspando as garras na porta, quando vou ve, ela ta ofegante como se tivesse corrido uma maratona..

Luu Megurine disse...

Minha avó morreu há 4 anos já, porém, quando ainda era viva, ela não queria que minha família se mudasse da casa dela, onde nós viviamos, então, desde que ela morreu, tudo mudou, meu pai ficou louco, minha mãe depressiva, eu fiquei depressiva, minha irmã ficou muito frágil de saúde. Além que, minha vira-lata está quietinha em um canto e do nada ela se levanta e começa a latir, um latido forte e bravo, como aqueles cachorros que querem atacar, mas estão com muito medo pra isso.

Violet demise disse...

acho que todos os animais são assim... eu tinha um coelho, que era super mancinho, todos faziam carinho nele e talz, ele ficava no meu quintal e a noite dormia na lavanderia, as vezes dava a louca no bicho e ele ficava super assustado ele ficava todo arrepiado com os olhos arregalados e tremendo, ele ficava olhando pra um canto do quintal, eu achava que era algum gato que ele via (ele morria de medo de gato e cachorro) mas nunca tinha nada...
agora eu tenho uma calopsita, um dia, quando eu tinha 12 anos, minha calopsita ainda era bem novinha naquela época, eu tava sozinha em casa mexendo no pc,e minha calopsita tava junto comigo na cadeira, e eu tive a impressão de ver alguém me espiando pela janela, eu olhei não tinha ninguém eu senti um calafrio na hora, e minha calopsita ficou assustada e começou a se bater...
eu acho que animais e crianças são mais sensíveis mesmo, porque eles são puros...

Sthefany Crhistiny disse...

Eu tenho uma cachorra cocker spaniel então... Acho que era uma quarta... quinta... não sei... Eu coloquei ela pra dentro do meu quarto (coisa que eu raramente fazia) então, eu botei um pano no chão pra ela deitar, normal até ai, eu liguei o pc, e fiquei aqui lendo no MedoB, lendo qualquer coisa, eu gostava de sentir medo e era uma coisa legal pois a cada coisa que eu lia me despertava medo mais era um medo suportável pra me fazer superar meu medos (e sim graças a vocês eu não medo mais medo do escuro), ai ela levantou e me mordeu... Ela nunca me mordeu! Ai quando eu vi o pano que eu coloquei tava em cima da TV... Eu sai correndo, peguei ela e fui pra cozinha e peguei uma faca e depois minha mãe chegou e perguntou o que eu estava fazendo, quando entrei no quarto estava tudo normal e o pano onde ele estava anteriormente: No chão

Matheus Costa disse...

ontem mesmo aconteceu um negocio muito estranho, meu cachorro dorme no quintal da minha casa e ele sempre late quando ouve um barulho, mas ontem quando era la pra 1 hora da noite eu comecei a ouvir uns sons estranhos vindos da rua, como se fosse grito de mulher tipo aquelas de ópera, mas ela gritava e parava tipo num intervalo de 5 segundos, dai todos os cachorros da rua começaram a latir e o meu começou a chorar desesperado, eu fiquei sem saber o que fazer e depois de uns 10 minutos parou

Davi Bomfim disse...

Uma vez eram mais ou menos 00:00, pode até ser mais, não sei, meu relógio tinha parado, mas estava brincando de alguns joguinhos para chamar fantasmas, jogamos o "Jogo do Copo", fizemos umas coisas loucas lá que vimos em alguns sites e etc, até que minha cachorra veio para perto de mim, se deitou ao meu lado como se estivesse querendo me proteger, como se alguém se aproximasse de mim ela iria atacar e o gato do meu amigo fugiu da sala, sendo que o gato dele não se levantava nem para comer.

Ari Silva ! disse...

Meu gato tinha comportamentos estranhos, ele fixava os olhos na parede do meu quarto e ficava miando pra ela toda hora, até que ele misteriosamente morreu...

carlos disse...

eu tinha um cachorro chamado rex ele éra docil e muito comfiavel . ele nasceu na minha casa em 2001 em 2007 no final do mês de maio (não recordo a data)ele começou a uivar mas aquele uivo que chegava a dar arrepios só de ouvir eu fui umas dez vezes na rua olhar ele para ver o que ele tinha e pelo menos saber o que estava acontecendo. quando olhei ele estava olhando para direção da casa do meu vizinho que veio a falecer um dia depois não ele parou de uivar mas em 2010 ele uivou novamente foi no mês de setembro no dia 15 e faleceu mais uma vizinha minha em 2011 no dia 7 de outubro ele começou a uivar novamente mas aquele uivo éra diferente eu olhava para o rosto dele e via uma angústia uma enorme tristeza como se fosse um parente ou um irmão obrigado a se despedir a força contra a sua vontade. mas eu não entendia. e no dia 8 de outubro ele morreu. na verdade depois disso eu entendi o quanto ele gostava da família e o quanto eu gostava da compahia dele e até hoje nunca encontrei nenhum cachorro parecido hoje possuo uma cachorra chamada laica que é muito parecida com a mãe do rex e cada vês que olho pra éla e me lembro do grande amigo que tive

carlos disse...

eu tinha um cachorro chamado rex ele éra docil e muito comfiavel . ele nasceu na minha casa em 2001 em 2007 no final do mês de maio (não recordo a data)ele começou a uivar mas aquele uivo que chegava a dar arrepios só de ouvir eu fui umas dez vezes na rua olhar ele para ver o que ele tinha e pelo menos saber o que estava acontecendo. quando olhei ele estava olhando para direção da casa do meu vizinho que veio a falecer um dia depois não ele parou de uivar mas em 2010 ele uivou novamente foi no mês de setembro no dia 15 e faleceu mais uma vizinha minha em 2011 no dia 7 de outubro ele começou a uivar novamente mas aquele uivo éra diferente eu olhava para o rosto dele e via uma angústia uma enorme tristeza como se fosse um parente ou um irmão obrigado a se despedir a força contra a sua vontade. mas eu não entendia. e no dia 8 de outubro ele morreu. na verdade depois disso eu entendi o quanto ele gostava da família e o quanto eu gostava da compahia dele e até hoje nunca encontrei nenhum cachorro parecido hoje possuo uma cachorra chamada laica que é muito parecida com a mãe do rex e cada vês que olho pra éla e me lembro do grande amigo que tive

Manuh' disse...

meu tio faleceu, e meus pais estavam no hospital organizando tudo, meu irmão estava trancado no quarto dele e eu no meu quarto mas com a porta aberta, minha cadela começou a latir como ela fazia pra qualquer um que chegava e eu fui na sala ver, quando cheguei na sala, ela parou de latir e sentou no meio da sala olhando paralisada pra porta, entendi como se fosse meu tio vendo ver se estava tudo bem quando a gente tava sozinho em casa como ele sempre fazia..

Manuh' disse...

bom, li um comentário aqui falando sobre crianças e animais serem mais sensíveis a esse tipo de coisa por serem puros, esse é um dos motivos, outro motivo é o fato de eles de não falarem e no caso das crianças muitas vezes acreditamos que elas estão inventando situações pra charamem atenção, enfim, normalmente crianças menores sempre vem espíritos e esse tipo de coisa, e normalmente crianças perdem esse 'dom' quando ficam maiores e passam a ter mais razão mas algumas continuam com este dom de enxergar coisas

zizi9882 disse...

Quando eu era criança eu tinha um cachorro que olhava as vezes pra lugar nenhum e latia sem mais nem menos,eu pensava sera asombraçao que eles veêm kkkk...Conclui minha tese.

Kamen Rider disse...

Nem li o Post, só os comentários. Podiam postar relatos, acho muito mais assustadores. Eu tive uma cadela, Nina, que dormia no banheiro da área de serviço que fica do lado de fora da casa, tem muro , grades e portão, mas ela pulava e passava entre as grades para dormir lá. Um dia escutei ela latindo e fui ver o que era, ela pulava como se estivesse ameaçando atacar em direção da porta do banheiro e latindo, parava e rosnava olhando fixamente para dentro do banheiro, cheguei a olhar para dentro do banheiro para ver se tinha algum bixo como ratos ou morcegos, eu esperava que fosse isso, não gosto da hipótese da outra opção. Possivelmente era a outra opção, pois eu não vi nada lá dentro, só senti aquele calafrio que sobe na espinha até a nuca. Olhei para Nina e ela olhava pra minha cara , ela devia esperar alguma reação minha, imaginei a frase que passava na cabeça dela: "-Vai ficar aí parado imbecíl? Não está vendo essa coisa?" Nisso escutei o barulho de um passo arrastado dentro do banheiro, ali ao meu lado e eu não via nada. O pavor tomou conta de mim, fechei a porta do banheiro e tranquei. Abri o portão para a Nina sair e dormir no quintal aquela noite e fui para o PC me distrair e tentar esquecer para conseguir dormir.

Gaby e Tai disse...

Minha cachorra tem mania de ficar na porta do banheiro quando eu estou lá rsrs. um dia desses eu tava no banheiro, com a porta aberta, porque eu tava sozinha e ela ficou la na frente como sempre, só que ela entrou no banheiro e foi pro box, sentou la dentro de ficou olhando pra la, depois correu pra fora. foi muito tenso, quase sai correndo de la, e eu sempre tenho mesmo uma má sensação quando eu to tomando banho lá.

Katherine Pierce disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Katherine Pierce disse...

Meus Dois Cachorros todo o dia de noite ficam rosnando para um quarto [esse quarto está completamente Vazio], eles ficam latindo muito como se estivesse alguém lá, eu sempre fico arrepiada quando entro na quele quarto, eu tenho a sensação que tem alguém me olhando.

''é arrepiante.

ㅤKonαтαㅤ disse...

Ok, eu também acho que cachorros/gatos ou qualquer animal consegue ver essas coisas.. Bem,eu tenho 12 anos e ontem de noite eu tava no pc e era 01:30 da manhã, por ai. e minha cachorrinha ~tem uns 6 , 7 anos ~estava muito agitada, tipo, ela sempre deitou num meio que tapete que tem na minha sala, dai ela tava deitada e começou a rosnar e ficou paralisada, ela rosnava mas ficava ali parada sem mexer nada, nadinha, como se alguém tivesse segurando ela, contando que de vez em quando parece que eu vejo umas coisas pela casa, principalmente na cozinha e no quarto da minha mãe.

Lauryanne Rodriguez disse...

Já tive duas experiências assim...
Uma foi com a gata que eu tinha, era de noite uma vez eu tava lendo e desenhando(não lembro direito) e do nada a minha gata começou a rosnar pro espelho(que era do lado da porta e do armário) e fugia pra baixo da minha cama,como eu já tinha lido que alguns animais são sensitivos eu fiquei assustada.
A outra foi com meu gato(só que em outra casa por que me mudei) minha mãe disse que do nada o gato começou a rosnar para um canto na lavanderia perto do botijão de gás, eu olhei para ver o que tinha no chão ou na parede e não tinha nada mas ele não queria chegar perto dali de jeito nenhum. Coloquei meu outro gato(que é menor) e ele agiu normalmente. Minha mãe achou que fosse alguma cobra embaixo da casa. Sei não rsrs

Pedro Oliosi disse...

A muito pouco tempo ganhei um baralho de tarot na ultima estadia na casa de minha irma, ela já tinha avisado que, quando ela fazia rituais ou lia as lâminas, era normal o gato dela ficar brincando com o ar, ou ter reações estranhas, bom, inicialmente eu nao acreditei, até que fui ler minhas lâminas pela primeira vez(depois de ja ter lido uns livros e ter uma ideia do jogo), na mesa de jantar dela de madrugada. Enquanto eu estava embaralhando para tirar uma carta o gato dela subiu na mesa, de forma estranha, não me importei até sentir um calafrio... quando olhei pra minha frente o gato dela estava logo perto de mim e começo a arranhar minhas mãos, bom, tirei a conclusão de que fosse melhor parar durante esta minha estadia...

caciano alison disse...

No interior de minha mãe em Quixadá,existe uma casa sobre um alto da qual é famosa por ser assombrada!

Essa casa é colonial e muito,muito velha,ela é do tempo dos escravos,até tema de documentário local ja foi!

A casa de longe se percebe que é algo estranho!E qualquer pessoa,qualquer pessoa mesmo que se aproxime ou olhe a casa de perto verá alguma coisa,mesmo quem n sabe da historia ou n é medium como eu!Principalmente se foi entre as 6 da tarde,ou quando ta ficando escuro!

O lugar é tão pesado que quem passa a noite dorme na casa dos conhecidos mais n passa pela a estrada que fica bem ao lado da casa!

A casa tem um histórico de suicídio e coisa do gênero,depois que a família e mais algumas moraram ninguém ficou mais de um mês,então depois ficou abandonada,entre "" né,porque como quem morou la foi gente famosa de nome o governo ainda pinta e da um breves cuidados!

Mais o assunto é os animais então vou logo ao ponto!Lá existe uma árvore ao lado da casa,é um pé de sabugueiro para quem conhece,ele tem uma postura espiritual e paranormal,tendo as raízes usadas para orações e práticas do candomblé,assim com em certas orações de São Cipriano!

Muitos dos moradores colocam os animais para comer la perto porque tem mato,de la até um bom pedaço n tem uma sobra se quer alem do sol tipo efeito lupa na formiga!não importa quanto tempo os animais passem no sol ou sem capim,eles nunca vão para a sombra da árvore nem comem o capim que cresce em baixo,o povo n passa em baixo dela nem chega perto assim como os cavalos cabras e esse animais que o povo cria!

Dizem as pessoas mais antigas,meus avo contam,"me arrepiei todim agora imaginando a cena",ele enforcavam os escravos lá!e enterravam tbam na sombra da árvore,dizem que a árvore tava la antes da casa,e a casa n deu certo e as coias aconteceram por causa da árvore,assim afirmam médium que ja foram olhar e macumbeiro tbm!

Espero que leiam e gostem,quem for pra QUIXADÁ aqui no CEARÁ PODE PERGUNTAR AS PESSOAS QUE ELAS SABEM DESSA HISTÓRIA!

ATE MAIS GALERA!

Jessy '-' disse...

Já que todo mundo está compartilhando suas experiências vou compartilhar a minha.
Havia uma senhora morando na minha casa atual cmg e minha familia desde que eu era bebê, esta morreu em junho passado. Não sei se tem ligação, pois eu vejo vultos e ouço muitos sons bizarros aqui em casa(detalhe moro no meio do mato, na frente de um campo de futebol, que tem um rio na frente[mt gente ja morreu na orla desse rio, tme até reportagens]).
Mas minha gata que é uma bobona, nao sabe nem se defender nem miar direito(de nome Súria), está com um comportamento estranho, que começou nao faz mt tempo, ela corre pelomeu quarto se esconde embaixo da cama, do nada. Tem noites que quando eu to dormindo ela começa a caminhar perto da minha cabeça e fazer um som meio estranho nao sei o que é, só sei que é um pedido pra abrir a janela sempre. Certa noites faz uma semana, ela me acordou de uma maneira nada usual.. Ela me mordeu na cabeça(tipo um monte de vezes), eu xinguei ela, mas quando fui pegar ela pra botar fora da cama, ela se esquivou e entrou na brecha que surgiu do cobertor. Quando parei pra pensar que crack a diaba tinha fumado, foi que eu vi, uma movimentação estranha perto do espelho do roupeiro,logo pensei que era a cortina... mas quando essa "cortina" se separou do canto, minha espinha gelou, me escondi embaixo da coberta com a gata que tava toda oriçada, e rezei até de manhã :'(

Detalhe: minhas coisas nunca estão onde as deixo, e eu fico sozinha em casa até umas 20h

Fernando Dias Antonio disse...

Macabro mesmo é ele ter resmungado!
Tenso!
:O

Fernando Dias Antonio disse...

Acho que vc errou na marca da ração dele. Como a entrada da cozinha e o corredor estavam mais próximos, (gato é meio preguiçoso, entao nem citei que poderia usar as janelas), entao ele esta arquitetando uma fuga a todo custo por esses lugares!

Bruno Cruz disse...

todo dia minha cachorra começa a latir e rosnar pra algum lugar nunca aconteceu nada .

Andrei disse...

moro ao lado de um cerealista (que é do meu avô)então um dos meus cães que fica no patio da cerealista começa a latir para um pilar que sustenta um pequeno prédio.

Débora Lima disse...

Minha cachorra sempre começa a latir do nada, quando estou sozinha, ou quando meus pais estão em casa, as vezes ela entra no meu quarto e começa a latir sem parar, depois que li isso, me arrepiei .-.

Gustavo Lacerda disse...

Quando eu estava na sala sozinho usando a internet lá pra novembro, minha coelha tava deitada (como sempre) no canto e a tv tava com o volume bem baixo. Aí do nada ela acorda, levanta bem as orelhas e começa a andar devagar (ela fica assim quando vê alguém que ela não reconhece), parando um pouco e balançando a cabeça pros lados tentando identificar quem é, ela ñ enxerga direito pq é albina. E ela foi andando, parava, andava, ficou meia assustava, ela foi andando a mais ou menos um metro da porta, tentando ver algo onde não tinha absolutamente NADA *-* aí ela ficou 5 minutos, saiu, e voltou por mais uns 3. eu fiquei meio assustado pois já sabia q animais conseguem ver as coisas. Até tirei algumas fotos na hora pra ver se saía algo, mas (ainda bem) nas fotos nada .-.

Bruh Karnov disse...

Nossa, meu cachorro quando era vivo .--. 2 meses depois que nos mudamos do apartamento q havia acontecido isso ele morreu ;-;

Mr.HardcoreGamersForever disse...

A noite eu fico acordado ate tarde umas 3 horas da manhã e os cachorros da mulher que mora em cima da minha casa começam a latir do nada eu fico ouvindo uns barulhos estranhos e eu abro a janela e fico olhando pra ver se tinha alguem e ai eu volto a assistir tv pensando o dia que eu abrir essa janela e tiver alguem ali eu juro que saio gritando D:

Gabriel Bhraga disse...

Já aconteceu uma vez comigo. Eu e minha família morávamos num apartamento, e minha mãe sempre dizia que não sentia coisa boa nele, e que até via vultos. Teve um dia que ela foi a igreja e eu fiquei em casa com meu irmão pra cuidar dos nossos dois cachorros. Um dos cachorros começou a latir pra dentro do quarto e quando eu fui ver, um vulto tinha passado. O cachorro chegava na porta do quarto latindo, mas quando ele passava da porta, ele logo voltava rosnando. Eu dei um jeito de pegar os dois cachorros e sair de casa, porque eu fiquei meio aterrorizado. Mas essa de que os animais tem o sexto-sentido realmente é verdade, nunca duvidei, principalmente depois do acontecido.

Gabriel Bhraga disse...

Já aconteceu uma vez comigo. Eu e minha família morávamos num apartamento, e minha mãe sempre dizia que não sentia coisa boa nele, e que até via vultos. Teve um dia que ela foi a igreja e eu fiquei em casa com meu irmão pra cuidar dos nossos dois cachorros. Um dos cachorros começou a latir pra dentro do quarto e quando eu fui ver, um vulto tinha passado. O cachorro chegava na porta do quarto latindo, mas quando ele passava da porta, ele logo voltava rosnando. Eu dei um jeito de pegar os dois cachorros e sair de casa, porque eu fiquei meio aterrorizado. Mas essa de que os animais tem o sexto-sentido realmente é verdade, nunca duvidei, principalmente depois do acontecido.

Ester rezende martins disse...

Uma vez quando eu tinha uns 9 anos eu estava em casa sozinha somente com o meu antigo,desaparecido e querido cachorro Bobi,e eu tinha muito pavor de ficar sozinha porque quando eu estava sozinha acontecia coisas sinistras e assustadoras então eu sentei na porta da sala e fiquei olhando para o portão esperando que alguém chegasse e estava de noite já e como a luz da sala havia estragado estava tudo escuro e eu não tinha nenhuma fonte de luz(celular,vela,lanterna) então eu olhava pra tras e não via exatamente nada somente a escuridão da noite.Eu fiquei imobilizada de medo olhando somente para frente e meu cachorro bobi ficava comigo e eu só movi daquele lugar uma vez pois ouvi um barulho no quintal como se fosse um cochico e só havia uma casa no fundo mais eles estavam no trabalho e só voltavam mais tarde mais para verificar dei um grito:"tem alguém em casa".Esperei uns cinco minutos não havia ninguém la dentro estava escuro e o portão trancado por dentro e ninguém respondia e meu cachorro me seguindo e olhando para os lados e rosnando,logo então voltei para o lugar onde eu estava que na qual meu cachorro continuou sentado do meu ado e eu acariciando a cabeça dele.Logo depois mais uma surpresa ele de repente olhou para trás e deu 3 latidos altos eu me assustei e tirei a mão quando percebi que não era pra mim que ele estava rosnando então fui mais para frente e fiquei sentada no canto com o meu cachorro sozinha no quintal e esperei por mais ums duas horas.algumas semanas depois fui passear com meu cachorro,eu já tinha mudado de casa(uma rua abaixo),e quando passei em frente a antiga ele deu uma baixa rosnada e no dia seguinte ele não amanheceu em casa eu não entendo o portão estava trancado e só tinha uma maneira de sair que era pelo portão e até hoje com 13 anos isso me assombra.

Thiagoo disse...

Sim, uma vez quando eu era mais novo, eu tinha uma cachorrinha. Uma noite eu estava em casa com meu primo, deveríamos ter entre 8 e 10 anos. Estávamos indo dormir, e como a minha cachorrinha dormia no quarto comigo, ela entrou também. Após fechar a porta, ficamos conversando, e então ouvimos um barulho lá de fora. A minha cachorra era super dócil, a raça dela já proporcionava isso (Cocker spaniel), ela ficou de um jeito muito estranho, estava irritada e latia olhando pra porta, rosnava e latia, até que em um determinado momento ela correu em direção da porta e pulou nela. Então ficamos muito assustados e fomos ligar para os nossos pais, já que estávamos sozinhos em casa. Foi realmente uma coisa muito amedrontadora.

André Santos disse...

Mano, quando minha avó estava doente meu cachorro não parava de latir para o lado do quarto dela o.O

André Santos disse...

Mano, quando minha avó estava doente meu cachorro não parava de latir para o lado do quarto dela o.O

Nicolas Mazur disse...

poucos dias atrás, meu cachorro começou a olhar para a parede do quintal, começou a rosnar e ficou paralisado, depois disso ele ficou muito doente, e o mais curioso foi que, em uma madrugado (la pelas 4 da manhã) ele começou a latir desesperadamente, e ficou pelo menos meia hora sem parar, e no outro dia ele acabou melhorando da doença, e nunca mais teve alguma crise desse jeito, pelo menos ele está bem ^^

Escritora Kenji Shinoda. disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Escritora Kenji Shinoda. disse...

Minha primeira cachorra, uns anos antes de falecer era super amiga da minha mãe, não saia do pé dele e nem se quer havia atacado ela. Mas um dia minha mãe estava sentada ao sofá assistindo TV como todas as tardes, e minha cachorra estava do outro lado do sofá dormindo calmamente, quando do nada ela pulou para o meio do sofá e passou a latir logo saiu correndo para os quartos. Esse foi o primeiro comportamento estranho, pois uma vez peguei ela latindo para o canto da parede do quintal, logo se encolheu e saiu correndo para dentro de casa. Infelizmente ela passou a falecer uns anos depois. Hoje estou com uma cachorra nova e é um Boxer, Boxer é o tipo de cachorro que não late, apenas quando se sente ameaçado. Um dia desses ela estava no fundo de casa, onde passa a maior parte de seu tempo, quando do nada passou a latir e rosnar, fomos ao fundo ver o que acontecia, e ela latia para o mesmo canto que minha primeira cachorra latiu. Lá deve ter algo D:

Escritora Kenji Shinoda. disse...

Minha primeira cachorra, uns anos antes de falecer era super amiga da minha mãe, não saia do pé dele e nem se quer havia atacado ela. Mas um dia minha mãe estava sentada ao sofá assistindo TV como todas as tardes, e minha cachorra estava do outro lado do sofá dormindo calmamente, quando do nada ela pulou para o meio do sofá e passou a latir logo saiu correndo para os quartos. Esse foi o primeiro comportamento estranho, pois uma vez peguei ela latindo para o canto da parede do quintal, logo se encolheu e saiu correndo para dentro de casa. Infelizmente ela passou a falecer uns anos depois. Hoje estou com uma cachorra nova e é um Boxer, Boxer é o tipo de cachorro que não late, apenas quando se sente ameaçado. Um dia desses ela estava no fundo de casa, onde passa a maior parte de seu tempo, quando do nada passou a latir e rosnar, fomos ao fundo ver o que acontecia, e ela latia para o mesmo canto que minha primeira cachorra latiu. Lá deve ter algo D:

Dinnahamarocomment disse...

CACIANO ALISON depois quero o endereço dessa casa em Quixadá, sou do Ceará e já passei por lá várias vezes, quero visitar essa casa *-*

Millena Spencer disse...

Uma vez eu tava sozinha em casa de manhã (minha mãe tinha ido trabalhar e minha irmã pra escola) dai eu ficava em casa só eu e meu cachorro, dai um dia ele começou a latir do nada e eu dei um empurrãozinho pra ele parar de latir aí ele parou deitou nos meus pés denovo e nao deu 3 segundos e a gaiola do meu hamster (que ficava na prateleira do meu quarto nos "pés" da minha cama) caiu do nada, e eu tinha certeza que ela não tinha perigo de cair, mas não sei como ela caiu,e eu ainda tava praticamente dormindo por que eram umas oito horas am, mas eu só fiquei com um pouco de medo na hora que caiu por que foi o barulho do metal caindo no chão e que foi muito alto.

meu mundo ! disse...

Isso acontece com a minha gata as vezes.Ontem eu tava na cozinha lavando a louça e ela tava sentada no meu lado, dai ela fico olhando com uma cara de assustada pro corredor e não tinha nada ali, e tipo, não é a primeira vez que isso acontece. Eu moro no 9° andar, e as vezes quando eu abro a porta pra sair ela fica olhando com uma cara de medo/susto pro corredor, isso sempre acontece, dai ela sai correndo pro meu quarto e fica embaixo da minha cama.Só sai de lá uns 5/10 minutos depois. ~estranho

Ops disse...

Quando eu assisti Atividade Paranormal com minha mãe, na epoca eu frequentava a Igreja, quando assisti o filme, e voltei para casa com minha mãe meu gato não se aproximou de mim e nem da minha mãe, ele ficou ali parado na cozinha nos olhando.

melina oliveira disse...

bom foram 3 fatos
1º: Eu tava completamente sozinha, a não ser pelo me avô que mora no mesmo quintal que eu e tem deficiencia mental e pelo meu cachorro, ainda filhote,com meses.
Eu tava no face e meu cachorro começou a rosnar,nem liguei,depois ele começou a latir, eu gritei seu nome diversas vezes,chamei,ofereci algo,mas foi em vão.
Então eu saí e chamei ele novamente, ele não quis vir, minutos depois tentando chamar atenção, ele finalmente veio até mim.Meu cachorro estava tremendo, latindo,rosnando e apreensivo.Ele não parava de olhar na direção da sua casinha, e eu não via nada lá, eu tentei acalmar ele e fui na frente de sua casinha, ele me olhou atencioso, eu mostrei que não havia nada(na verdade, eu não sabia se havia algo lá) e ele foi até o local e finalmente se acalmou.

2º: Em todos os dias da criança minha mãe acende uma vela,por causa de uma promessa(é uma longa história).
Ela cobriu a vela para não ser perigoso para o meu cachorro, então ele foi lá,no local onde estavam as velas e começou a olhar, cheirar, até aí normal.
Então ele começou a rosnar e latir (arrepiado) e logo saiu dali.

3º: Meu pai acendeu uma vela no dia dos finados para o meu seu primo Carlos (que morou aqui na minha casa em sua infância, cresceu , se mudou e morreu, ainda jovem).
Meu cachorro novamente foi ver as velas, já no dia seguinte e se não me engano, elas estavam ainda acesas.
Ele começou a olhar desconfiado, então se afastou um pouco e ficou perto de uma arvore que tem no meu jardim.Então ele começou a latir, rosnar e chorar um pouco,até que os latidos ficaram mais fortes e toda vez que ele tentava se aproximar das velas, ele brusca e violentamente ia para trás, como se alguém o empurrasse ou o ameaçasse , ele persistia, até que as velas se apagaram .Exatamente neste momento ele se acalmou e conseguiu chegar perto da cera derretida das velas, eu fui ver (no final de tudo isso), só haviam velas derretidas...

Tudoo isso foi estranho, a partir daí mais nada aconteceu...

Vanessa disse...

Desde que eu era pequena, eu sentia, quando andava da casa da minha avò para a minha que tinha algo observando.
Quando cresci ganhei um gato, nessa época eu ja morava em outra cidade e me mudado mais vezes de apartamento.
Mas nesse novo apartamento desdo o inicio eu nunca gostei muito do meu quarto, não me sentia confortavel lá, mas isso só ocorria a noite, então comecei a dormir com a minha mãe desde então.
Certo dia eu briguei com a minha mãe, e resolvi dormir no meu quarto, deveria ter uns 16~18 anos na época, e o meu gato, o Leco, que é preto e peludão foi dormir comigo, (detalhe, ele normalmente dorme com meus avós, ou na sala, quase nunca comigo e com a minha mãe), pois bem, nessa noite, ele deitou perto dos meus pés. Eu fiquei la, mas não conseguia dormir. Passado um tempo, eu ouço um estalo, como quando alguem pisa no chão de parquet e da uns estalinho entre as madeirinhas. Nisso eu olho pra direção que veio o som e o gato também!
E o mais assustador: logo depois que deu esse barulho a tela do meu note, que tava apagada, ligou!
Eu simplesmente levante e fui dormir com a minha mãe! ASUIDJSDJIASOJDSA

Sem falar que de vez em quando vejo uns vultos pelo canto do olho, e nem sempre a noite. E os meus gatos as evzes ficam olhando pra a direção dos quartos... Mas eu não tenho muito medo, eu até digo pra não mexerem com meus gatos, porque senão eles vão se arrepender :p AIUSHDSUIADHUAS ameaçando espiritos like a boss.

A. Lioncourt disse...

EU estava deitada lendo um livro com o meu cachorro deitado na cama ao meu lado e dormindo. Ele acordou apavorado e sentou na cama logo a minha frente e começou a rosnar e latir para um canto do quarto... eu tentava encostar nele mas ele não deixava, parecia estar me protegendo... o peguei no colo (contra a vontade dele) e sai do quarto. Estavamos sozinhos na casa...

Enzo Bernardi disse...

EU ACHO QUE DEVO ME PREUCUPAR!minha cadela estava dormindo no tapete,nós estavamos sozinhos e ela acordou escorregando e começou a latir para um canto da cozinha,eu estranhei e tente acalma-la,mas ela nao me deixava chegar perto,entao do nada ela deitou e dormiu.eu achei estranho mas eu subi para o outro andar com ela,enqaunto estava la em cima eu ouvi um barulho,eu fui para baixo e encontrei uma panela no chão e minha geladeira fechada mas no menu dela dizendo que estava aberta.a luz piscou,e meu videogame ligou,eu obviamente me caguei até nao restar nada,eu subi e chamei minha cachorra mas ela nao respondia,até uma hora ela subiu,eu deitei e ouvi mais um barulho,mas desta vez achei melhor nao conferir. no dia seguinte eu sonhei com fantasmas.até hoje eu nao sei explicar isso,alguem me ajuda!

GDX disse...

Eu uma cadelinha tibetana, uma gata persa, um galo, uma galinha, 4 pintinhos e um casal de coelhos. Vivem em "harmonia" aqui na minha casa.
Casa antiga, de aluguel, pessoal daqui da rua disse que já morou um pai de santo aqui, e depois foi uma república.

Sinceramente, nunca vi nem achei nada estranho. Mas minha mãe...

Ela suspeita de um quarto do lado do banheiro da cozinha, tem o piso diferente, não tem janelas. Eu supunha que era uma dispensa, mas em frente a porta há uma segunda portinha daquelas que batem um pouco acima da cintura (sou alto) como que para impedir que um animal (ex.: cavalo) saia.
O problema não é o piso, a portinha, a ausência de janelas... Mas sim o fato de que tinta nenhuma pega no local. Eu prefiro acreditar que por não ter contato direto com a luz do sol, não há como a tinta aderir a parede. Já ela, desconfia que algum tipo de "coisa" deve ter acontecido lá.
Por enquanto, os pintinhos, galo e galinha e os coelhos vivem lá. Quando os pintinhos crescerem eu os pergunto qual é a vibe de dormir lá. (risos)

Thales Santiago Borges disse...

Tenho uma chow chow, e ela sempre foi muita tranquila, nunca estranhou e nem avançou em ninguem e quase nao late. Meu pai comprou uma casa em 2009, a qual a gente mora, e desde então, meu pai nao teve tanto sucesso no trabalho mais. Antes de comprar a casa, moravamos de aluguel e meu pai ganhava em torno de 20 a 60 mil reais por mes. Apos juntar dinheiro, ele comprou a casa, que era a casa do sonhos dele, e o vendedor a vendeu barata e com muita má vontade ou dó de vender. Após mudarmos, o trabalho dele caiu e sempre que algo começava a dar certo, acabava sem motivo algum. Em janeiro deste ano, chegamos a ter 200 reais, pra passar o final de semana inteiro e nao tinha mais fontes para o meu pai tirar. Até que decidiu vender a casa, que com muito custo e chegar a pedir uma benzedeira de confiança pra benzer ele e a casa... Conseguimos vender, vendendo mais de 100 mil a menos do valor dela.
Ontem, dia 25/06/2013 minha mãe ia embalando e guardando as coisas de um quarto de hospedes, para levar para a mudança, que provavelmente vai ser essa semana ou na outra. Minha cadela, chegou na porta do quarto e começou a rosnar la dentro, e depois saiu correndo como se alguem ameaçasse a pegar ela. Nao voltou mais nele, e custa a entrar no meu quarto, que é de frente a esse de hospedes. Tentamos insistir em segurar ela na porta do quarto, mas ela deita no chao e se arrasta pra sair, chegou a sair de casa e ficar la na garagem. Buscamos ela e colocamos dentro de casa, mas ela aparenta estar tensa e com medo de ficar aqui. Sempre acreditei em fantasmas ou espiritos, meu pai sempre muito cetico, hoje começou a ficar cm medo :/

Thiago Baziotti disse...

Aconteceu algo semelhante com o meu irmão e minha mãe. Nós temos uma gata (pelagem preta). Meu irmão e minha mãe estavam assistindo televisão na sala com as luzes acesas. O garoto estava com os pés na janela aberta e minha mãe sentada no sofá. Do nada, a gata pula na janela pra dentro da casa e sobe pelas pernas do meu irmão, logo após puta no tórax da minha mãe. Ambos ficam assustados com a atitude do animal. Alguns segundos após, a gata volta, pula novamente na minha mãe, unha o rosto dela e depois se esconde. Não sei o que poderia causar isso no bicho, porque é um animal que nós já temos há 3 anos e é muito dócil, não costuma atacar nem mesmo nas mais apelativas brincadeiras que fazemos.

A.RS. disse...

AGORA A POUCO FUI NA RUA MOLHAR AS PLANTAS E MEU CACHORRO (DE 15 ANOS) FICOU DESESPERADO LATINDO PRA MIM...COMO SE NÃO ME CONHECESSE...ELE NUNCA FEZ ISSO. O QUE PODE SER???

Sakura Haruno disse...

tava la eu com os meus bichos de estimacao 2 poodles (Kika E Chiquinho) uma yorkshailer terrier(Penelopy) e a minha gata angora(Miette) tenho mais 2 passarinhos mais eles nao contam.Eu estava em casa sozinha no meio da noite vendo filme e comendo pipoca acho que as 21:32 depois de uns 10 minutos eu sai e fui ao banheiro como sempre a minha york vinha atras de mim e a kika chico e a miette ficaram no quarto tava td trancado e eu fazendo as nessecidades ai ta sai do banheiro lavei as maos e fui fazer o jantar, o arroz tava cozinhando e eu fiquei la no quarto terminando de assistir o filme .Eu fiquei com uma ancia de vomito mais nao vomitava quando eu vi tinha uma coisa de capa preta e um chapeu ali parado na porta do meu quarto ai ja era 2 da madrugada os meus cachorros latindo e a minha gata rosnando eu fiquei com medo e so fui pra debaixo da coberta ai eu peguei no sono e nao vi mais nada.No outro dia uma cliente da minha mae (ela e cabeleleira) foi la em casa e ela e espirita eu perguntei pra ela sobre esse homem e ela me respondeu isso:-se cuide minha filha esse homem e o mestre das sombras ele visita agente a noite e sussurra no nosso ouvido para no outro dia fazer o mau e depois de feito vc nao intende nada.E quando ela disse isso eu me borrei de medo depois desse dia eu sempre durmo com um rosario e os meus cachorros pq eu sei que ele pode voltar cuidese gente orem eu pesso pra vcs orem

Wallace p. da silva disse...

lendo os posts de você,eu decidi contar meu caso,quase toda noite,aqui em casa meus cachorros latem muito,aqui em casa tem mato pra tudo quanto é lado,a atrás da casa têm um morro,muito grande,meus cachorros ficam latindo,correndo de um lado para o outro desesperados,como se tivesse algo lá,e eu já vi vultos passando lá a noite,e eu de tarde,quando subo lá as vezes eu sinto coisas estranhas,me aparecem visões(sangue,carne,pessoas,etc...)do nada,já ouvi barulho do mato se mexendo sozinho como se estivesse alguém andando lá,meus pais saem muito,eu e meu irmão ficamos em casa sozinhos rezando pra nada acontecer com a gente,ou até eles chegarem

Misaki - Chan disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Misaki - Chan disse...

Ah esqueci de avisar essa casa na época que minha irmã morava aqui já teve alguns casos de assombração e é verdade. Quando a gente se mudou pra cá minha irmã viu um homem todo de branco na geladeira e desapareceu e teve um caso que uma mulher de vestido cinza passou o quarto da minha vó as cortinas do quarto, de madrugada minha mãe sente cheiro de arroz pronto e café, minha irmã vi vulto e no meu caso teve uma vez que tava só eu na sala de madrugada no pc ai eu ouvi minha mãe me chamar pra ir dormir só que na verdade não era ela ninguém me chamou porque quando eu entrei no quarto ela estava dormindo e e eu perguntei no outro dia e ela nãos sabia disso. De madrugada as vezes parece que a minha casa faz barulhos. E se o Marley latia tanto é porque tem mesmo algo aqui só que eu não sei se coisa boa ou ruim.! Já teve vezes que minha família ia alugar casa pra morar mas não deu certo por alguns acontecimentos. E de madrugada eu não sei se aqui mas eu escuto barulho de gatos rosnando muito mas sei lá ;(

francielle bongiolo disse...

meu gato rosna quando entra no meu quarto em direcao a cama

Nati Mazzuco disse...

Até ano passado minha casa era rodada por pinhos,e sempre q eu soltava minha cadelinha ela automaticamente corria lá perto dos pinhos e começava a latir e ficar farejando algo e a mãe dela q mora com minha madrinha teve um infarto a noite e morreu,os veterinários disseram q ela se assustou com algo,o que é estranho porque um ano antes meu padrinho morreu na mesma casa,motivo da morte:INFARTO...

Theodoro Cesar disse...

Me lembro uma vez que uma gata aqui de casa (Já está morta.) ela estava no quintal aqui de casa, e eu e meu primo fomos pegar ela no colo para dar carinho e ele do nada ficou toda ouriçada e fazendo aquele barulho (Quanto os gatos estão nervosos) Como eu sou fan de coisas de terror, logo veio na minha mente algo parecido e eu e meu primo saimos correndo!! HAhahAhahAha

Maxwel Moreira Moraes disse...

Meu nome é Maxwel, moro em São Paulo - SP. Estou vivendo algo parecido com o relatado no texto acima. Ocorre que o meu cachorro, um vira lata de nome Rex, está agindo estranhamente por estes dias. ele vive com medo de alguma coisas. Não fica sozinho nos cômodos da casa e sempre que saímos de um lugar ele nos acompanha. além disso, ele vivi se escondendo dentro das coisas como sapateiras, banheiros etc. Gostaria de saber o que pode ser ou está provocando esse comportamento anormal no meu cachorro, afinal, ele sempre foi ativo e brincalhão. Agora só vive assustado e com medo.

Meu e-mail para contato é maxllony@hotmail.com.

Rogre disse...

estava em minha casa nova e resolvi arrumar algumas coisas no andar de cima,tomadas,portas,coisas assim...quando,mesmo com as janelas dos quartos fechadas a porta do quarto do meu sogro se fechou com violência...sou um grande covarde mas sempre enfrentei meus medo e creio que Deus está comigo sempre então entrei no quarto(vazio)e,mesmo sem ver nada anormal(teria descido correndo)resolvi fazer uma oração como um amigo me ensinou...nada mais aconteceu até minha gata subir e ficar perto de mim...do nada ela entrou no quarto onde orei(tem uma sacada e ela fica olhando a rua)e em seguida deu um grito alto...corri ao quarto e encontrei-a com uma de suas unhas ficadas na parte interior de sua boca,parecia fisgada com um anzol,sei que os gatos tem garras retráteis mas parecia que ela não conseguia se soltar e vinha mancando em minha direção e gemendo...peguei-a no colo e tentei remover a unha sem machucá-la mais quando num espasmo a mesma se soltou deixando um corte considerável na bochecha...correu pro outro cômodo,eu a segui e da porta ela ficava olhando assustada pro quarto...minha gata tem mais de 2 anos e não se assusta com nada...acho que o que fechou a porta não gostou da minha oração e descontou na minha protetora...de fato sempre que posso faço uma oração naquele quarto,pois algo se irritou lá naquele dia...

Marcio Paixão disse...

Já li e assisti outras matérias sobre isso...acredito sim nessa teoria!

Erika Félix disse...

Depois da morte do meu avô vi diversas vezes minha cachorra latindo (o que era mais parecido com um choro) e rodeando a cadeira onde meu avô costumava passar a maior parte do seu dia quando ainda era saudável, apos alguns meses ela parou. Minha vó sempre nós contava esse historias e ainda dizia que CRIANÇAS também tem esse mesmo sentido.

The Black Diamonds disse...

Meu, minha cadelinha gosta de dormir comigo, ai toda a vez que a gente começa a dormir, ela levanta a cabeça e olha do lado da minha cabeça. Não pra mim, ai ela fica olhando, tenso, o pior foi um dia que eu tava na casa da minha vó que já é sombria pra caramba, tava só eu no corredor e ela na caminha dela, ai ela olhou pra tras de mim e rosnou e deu uma latida, ai eu olhei pra tras nao tinha nada, ai sai correndo e fiquei na sala até me convencerem de que era seguro kkkkkkkkkkkkkkkk

Celso Augusto disse...

Aconteceu comigo uma vez que eu tava na sala de noite assistindo TV no sofa e meu cachorro do meu lado ai do lado do sofa tem uma cadeira de balanço ele começou a rosnar pra ela e correu pro meu quarto...Eu nao entendi oque estava acontencedo enta fuiz atras dele ele estava em baixo da cama rosnando...

Joy Oliveir disse...

Meu gato morreu a alguns dias, e eu tenho um cachorro desde aquele dia ele está estranho de noite ele fica batendo na janela aranhando uma caixa de papelão parece gente com medo, ele quer de qualquer forma entrar para dentro, olhando para ele da para perceber que ele não dormiu ele está com cara de cansado, ele não sai de perto de mim, ou melhor ele não fica sozinho, eu queria saber se alguém pode me ajudar a ajuda-lo..

Thais Tozatti disse...

Acredito nesse sexto sentido deles sim...tenho duas gatas...(na época eram três, as duas fêmeas e um macho) minha vó estava muito doente e ela ficava sempre numa poltrona na sala, e no dia que ela faleceu ( isso foi quase na metade da tarde) meus gatos não saiam de perto dela, coisa que eles nunca fizeram, sempre saiam andando pela casa, mas neste dias eles iam se esfregando na poltrona deitavam aos pés dela, o que a gente axo até meio estranho. Mas enfim ela piorou e foi levada ao hospital e veio a falecer...Os gatos nesse dia não voltaram para casa nem para comer nem nada....Só foram voltar no outro dia quase no fim da tarde se esfregaram na poltrona entraram no quarto que era dela e sairam.

Lea Henriques disse...

Olá, tenho uma gata negra de olhos verde linda demais , ela tem 11 meses, e estou passando por uma situação que nunca tinha visto antes...Minha vizinha do andar de cima colocou uma escada de madeira para subir e entrar na casa dela pela escada, e eu estava com minha gata no colo, quando ela viu a escada ela rapidamente me arranhou e correu e escondeu debaixo do edredon da minha cama, e ja tem 2 dias q ela não vai na cozinha onde ela consegue ver a escada.. quando ela passa no corredor e olha para a janela da cozinha e ve a escada ela se arrepia toda corre e esconde....tentei levar ela na cozinha dizendo q não tinha nada demais la...mais ela nao aceita e fica arisca e corre....muito estranho....não sei o que ela ve la....alguem pode me esclarecer ?ninguem consegue levar ela na cozinha de tanto medo q ela tem da escada.....

Matheus rosa dos santos disse...

eu tive a muito tempo uma gata cinza, franzina que passou a olhar fixamente para a parde branca da sala sem se quer haver nada lá... ela passava horas estática olhando toda arregalada ...!!!

Ricardo Reis disse...

o meu cachorro outro dia isso era umas 6 horas da manha como de costume eu abro a porta e o deixo entrar um certo dia o mesmo começou a rosnar proximo ao pe da cama e começou a latir e adotou uma postura de ataque e ficou todo arrepiado, ele deve ter ficado assim uns 2 minutos e depois parou, outro dia no mesmo local minha esposa estava sentada e o caozinho teve a mesma atitude porem fixou o olhar para ela e começou a latir e para piorar outro dia quando cheguei em casa e abri a porta senti um lado do meu corpo todo arrepiar como se eu tivesse tocado em algo, foi muito estranho e de certa forma assustador.

riyto disse...

Uma vez a minha cadela chamada Valentina (muito linda ela eh uma Golden Retrivier) começou a latir repentinamente e em posição de ataque para uma área coberta nos fundos da minha casa,ela é aterrorizante muito muito escura,e esses dias eu adotei uma gatinha preta e branca que arrepiou os pelos e começou a fazer posiçao de ataque tbm me ajudem sera q essa area eh mesmo mal assombrada?

sara bambirra disse...

Tem muitas pessoas que não acreditam mais eu acredito. Hoje dia 29/11/2013 eu estava trabalhando ai os meus cachorros e meus gatos começaram a olhar para a mesma direção e depois meu gato olhou para o teto. Fiquei morrendo de medo até que minha avó chegou lá.
Quando eu vi os gatos e os cachorros fazerem isso liguei para minha colega mais como sempre ela disse que é bobagem. Eu fiz um pacto de amizade i então eu só ando com uma cruz no pescoço será que eu fiz bem?

Regina Lopes disse...

Olha! Medo mesmo é ler os erros de português do pessoal aqui!

Andriele Godoy disse...

quando eu tinha 11 anos eu ganhei uma yorckshire femea.E ela sempre dormia comigo e quase todas as noites ela saia da minha cama e rosnava para o canto do quarto ou na frente da porta depois disso fiquei com medo e tive que colocar ela para dormir na sala morria de medo de dormir junto com ela :/

Rosendo Brito disse...

meu gato começou a miar de um modo estranho alto e curto como se estivesse me chamando e então o acompanhei ele foi ao quintal fez sua necessidade e então o coloquei para dentro de casa, logo começou a miar novamente fomos ao quintal e ele foi ate o canto e ficou como em modo de defesa ou ataque acendi a lanterna do celular mas não vi nada isso se repetiu por três vezes e nada havia no local, uma vez me alertou sobre um escorpião que eu o matei logo apos o ter visto e realmente aqui na casa onde moro já ouve uma tragédia a uns três anos, mas eu não estou com medo apenas curioso pela coincidência dos fatos.

jôsy godoy disse...

minha mãe tinha um Poodle,e um dia ele ficou olhando pra parede e começou a rosnar e latir muito,e não víamos nada,ele só fazia isso com algum estranho ou alguém que ele não gostava.

Rebeca lopes disse...

uma vez eu tava sozinha em casa com a minha cadela Fify , tava de tarde minha irmã tava na escola e como eu estudava de manhã tava em casa de bobeira assistindo Tv na sala com a Fify deitada no tapete, ai minha mãe ligou falando que ia voltar cedo do trabalho dela , eu desliguei a Tv e fui arrumar meu quarto pra ela não reclamar quando eu entrei no meu quarto minha janela tava fechada, peguei umas louças e fui deixar na cozinha ai do nada a Fify começou a latir desesperada e eu corri pro quarto e não vi nada só que ela continuou latindo e se afastando pra trás eu fiquei olhando pro meu quarto e percebi que a minha janela tava completamente aberta sendo que a poucos minutos ela estava fechada ai do nada eu ouvi um barulho de um copo caindo na cozinha eu olhei pra fify que continuou latindo e depois correu pra porta e eu como não sou besta corri junto morrendo de medo só que quando eu cheguei perto da porta de saída minha mãe entrou abrindo a porta fazendo com que eu desse de cara na porta e caísse sentada a fify passou por debaixo das pernas da mamãe e correu pra fora, me levantei e expliquei pra minha mãe o que tinha acontecido mais ela não acreditou e falou que era só uma desculpa pra eu não arrumar meu quarto.... depois daquele dia nunca mas aconteceu graças a deus

Luiza Brenda disse...

Meus cachorros fazem muito isso. Tenho um que dorme comigo,uma vez de madrugada ele começou a latir e rosnar pra parede,confesso que fiquei com muito medo hahaha meio bizarro

Fred Baskerville disse...

Para esse caso os céticos ficam encurralados porque não têm explicação. A menos que sejam lunáticos o suficiente para afirmar que animais aprenderam a fazer "jogos mentais" só para enganar e ficar famoso. A parte que fala que cachorros conseguem prever terremotos, por exemplo, é mais do que um fato e tem até vídeo comprovando.

Zotac GAMER disse...

Ontem sentei no chão da minha casa na porta para calçar meu tênis pra poder ir para aula era quase 19:20, meu cão estava de frente para mim de repente ele olhou para trás de mim e começou a latir e rosnar para o escuro pois as luzes da minha casa já estavam apagadas, olhei la dentro nada, ninguém daí me deu uns arrepios muito forte então do nada o cão volta a ficar normal, nossa eu fiquei assustado demais.
















Zotac GAMER disse...

Ontem sentei no chão da minha casa na porta para calçar meu tênis pra poder ir para aula era quase 19:20, meu cão estava de frente para mim de repente ele olhou para trás de mim e começou a latir e rosnar para o escuro pois as luzes da minha casa já estavam apagadas, olhei la dentro nada, ninguém daí me deu uns arrepios muito forte então do nada o cão volta a ficar normal, nossa eu fiquei assustado demais.
















André Pinto disse...

Boa tarde,tenho um cocker com 7 meses e desde que o tenho reparei que ele fixa um ponto da casa e começa a rosnar e a ladrar,tentamos distrai lo mas ele nunca esquece.Mudei de casa recentemente e continua na mesma..Por vezes fixa a parede e começa..a tal ponto que o meu filho começa a ficar assustado.Ontem foi durante 10 minutos,dai eu tentar procurar aqui na net o que seria.Se alguém me pudesse esclarecer sobre o assunto seria bom.obrigado.

Manoel Marcenaria disse...

Haushausha
Xaninho tava rezando o Pai Nosso!

Pacman Pi disse...

Um dia eu e o meu grupo de amigos estávamos a anadar pela mata à noite tínhamos de atravessar a mata toda ao inicio vimos uma coisa branca não ligamos mas no fim quando estávamos a chegar vimos outra coisa branca igual a primeira mas mexendo-se em direção a nós e nós corremos não ligamos pensávamos que se calhar foi a nossa imaginação passado uns dia eu e o meu amigo estávamos a tirar fotos ao pé de uma estação ao pé da mata e estávamos a caminho da estação pelo um caminho onde tinha casas e vimos um cachorro eu dei-lhe festinhas mas o cachorro sempre medroso sempre com a cauda entre as pernas com medo o cão como era vadio e nós tínhamos dado lhe festinhas ele seguiu-nos seguiu-nos para todo o lado e depois chegou na hora de ir para casa e tínhamos dois caminhos ou íamos pela mata que era só virar uma esquina e estávamos em casa ou pelo o caminho que tínhamos ido antes que demorávamos muito mais então fomos pela mata mas o cão sempre a seguir-nos chegamos na mata e começamos a andar pouco tempo depois o cão parou eu não liguei porque pensei que ele ia nos seguir mas não eu dei três passos olhei para ver o cão e o cão já não estava lá viramos a esquina na mata e subimos chegamos ao fim da mata e estava lá o cão o cão deve ter ido pelo outro caminho mas a correr e muito rápido para ter chegado primeiro que nós quilo era quase impossível chegar primeiro que nós mesmo a correr por isso o cão deve ter corrido muito rápido mas o estranho foi que o cão parecia que já não nos conhecia e voltou a ter medo de nós (eu e o meu amigo) e notava-se que era o mesmo cão porque era igual e tinha o mesmo comportamento que antes será que aquela coisa que nós vimos tenha a ver com isto ? será que nós devemos voltar a mata a noite ? será que tem algum espirito ? preciso de ajuda

Pacman Pi disse...

ms

Marilia Carvalho disse...

Bom dia,
gente preciso de uma informação urgente,
tenho uma gatinha preta e ela sempre brincalhona e rueira, mas de uns dias para cá tenho percebido algo estranho com ela.
ela não brinca mais e não sai mais na rua, fica o dia inteiro em casa escondida, fica com olhares fixo e muito assustada, alguém sabe me dizer o que possa ser isso, se tem algo para acontecer e ela esta pressentindo.
por favor me responda e sem brincadeiras pois estou muito preocupada com a minha gatinha,
obrigada.

Alexandre Moura Silva disse...

Um dia eu estava na sala de casa neh, ae minha cachorra começou entrar para dentro e quando punha a mao nela ela pulava de medo entao eu puis ela no quintal para ver o q e ela nao passava de uma parte e saia correndo para atras , e isso continuo um bom tempo e qunado passava no local onde ela estava rosnando sentia um arrepio

Jany Ikisatashi disse...

Esse post provavelmente é antigo, mas hoje houve um acontecimento que foi o que me levou a ler essa matéria: Nós alimentamos um gato de rua, e ele sempre pula o muro daqui de casa quando tá com fome. Hoje ele estava deitadinho na caixa em que ele dorme normalmente. Ele ficou encarando a porta por alguns segundos, e quando eu a abri, ele deu estufou o rabo e deu um pulo do chão para o muro desesperado. Ele nunca fez isso antes, é o gato mais tranquilo que já vi, isso realmente é estranho

Emanuel Bernardes disse...

já aconteceram umas paradas fodas tipo , minhas família sempre viu e viveu experiências sobrenaturais ... no começo eu tinha medo , mas acabei me acostumando ; eu via vultos , e muitas as sombras dos objetos formavam um homem de chapéu , sempre que via ( mesmo em objetos diferentes ) eu tinha certeza que era o mesmo homem , e sempre na mesma posição ( cabeça abaixada de modo a perceber-se somente a parte do queixo e o chapéu e o braço direito levantado ) ; mas uma parada que tipo me deu medo quando eu ainda era criança foi quando meus pais e uns amigos deles começaram a fazer uma oração dentro de casa ( não vou especificar minha religião até pq não estou aqui pra fazer propagando de nada kkk )e tipo , escutei minha carrocha ( lilica ; tenho ela até hj ta veinha coitada kkk ) rosnando ; quando a gente foi lá fora ela corria de um lado pra outro gritando ... foi maior sufoco pra acalmar ela , mas muitas vezes os animais aqui de casa sempre viram e alguns tenho plena certeza que apanharam de alguma coisa .

Sandra Pettersen disse...

meu cachorrinho estava dormindo no meu quarto e derrepente começou a chorar,mijar e sair correndo pela casa . e o pior, ja olhei ele todo e nada. e agora ele esta super assustado e toda hora sai correndo entra debaixo do carro e fica la olhando assustado aqui pra dentro de casa. da ate medo.sera que ele esta vendo alguma coisas que nos nao conseguimos ver?

mundo beliebers disse...

Meu cachorro estava comigo e com a minha família e do nada ele começa a olhar para a porta de entrada, até que se aproximou e cheirou por baixo e rosnou. Fez isso várias vezes,algumas vezes ia ter connosco e ia outra vez, parecia querer dizer nos algo. Cada vez que nós faziamos algum barulho ele fica assustado.sera que ele viu algum espirito?

Matheus Antonio disse...

Aconteceu agora pouco meu cachorro estava latindo dentro de casa pro nada as 05:10 da manhã acordando todo mundo, não sei o que é porque nunca aconteceu nada disso antes aqui.

Cátia Pedrosa disse...

Depois de um dia o meu telemóvel ter aparecido num sítio diferente do qual o tinha deixado e estava sozinha em casa o meu cão tem andando a ladrar para o nada, normalmente em direção das janelas e quando lá vou não há nada. Estou preocupada e se contar a alguém vao me chamar doida

Nany Fedeche disse...

Olá eu estava em casa quando ouvi alguém dizer "Boa Tarde" vi minha pitbull se arrepiar toda brava e sair latindo pro lado da porta e voltando procurando por alguém, como estávamos só nós em casa minha pitbull ficou muito brava.
Oque pode ser!

alisson disse...

ola gente do blog tudo bem? vim relatar o que ouve comigo esta madrugada eu como sempre no pc vendo novela ne... era dia 17/03/2017 começo tudo com minha gata ela ta no sofa que fica de frente comigo quase ne... ai deu umas 2:50 da madrugada eu tava assistindo uma novela antiga no pc ai deu vontade de ir no banheiro ai fui... poblema que tava estranho o clima fico pesado do nada ai ai eu terminei de tirar uma agua do joelho sabe... ai percebi que eu estava falando sozinho msm mais eu nao sabia pq eu tava falando sozinho eu so lembro que fiquei falando sobre minha vida e eu fala mto a palavra VELHO eu nao sei pq ... eu ai fui para sala onde tava o pc e a gata e nisso deu (3:00 horas M)
e eu falando sozinho sabe quando vc meio q desabafa com vc msm so que algo se aproveito disso e entro no papo meu sem pedir algo sobrenatural e eu senti um peso na minha costa do nada ai quando eu me deparei que eu tava falando sozinho ai eu parei de fala e percebi que a gata nao estava mais dormindo ela estava tudo arrepiada sabe toda brava parecia medo do que via msm ela estava uivando so que nao era para parede ou para os canto da casa e sim ela tava me olhando no meu olho juro do nada eu olhei para esta gata eu senti o q tinha dentro de mim nao era humano pq eu fiquei arrepiado de mais e senti meu corpo estranho pesado juro para quem querer por deus que isso e real... mais ai ta bom dps disso eu corri pra cozinha pq eu nao conseguia fica na sala eu sentia q a gata tinha algo me incomodando me deixando como c tivesse algo me pressionando eu sabia q a gata tinha visto algo em mim mais nao em mim e sim em cima de mim nas minhas costas pq eu tava sentindo o peso do espirito ou seila o q seja eu senti ... ai passo 15 min era 3:15 tinha me acalmado um poco eu pensava em ir na sala no pc eu nao conseguia mor pq nao sei era como c a gata fosse deus e nao deixase o mal chega perto dali eu sei que tinha algo esta noite que passo em cima de mim era super forte pq eu aqueles caras que e machao mais desta vez algo me chego perto de mais de mim ai eu ai era 3:00 eu falei nao e possivel ne ja passo meia hora ai tive coragem de ir na sala desliga o pc e a tv para eu ir para cama ne ai ta bom sentei na cadeira do pc esta gata nao me acorda e começa me olhar me encarar do sofa onde ela esta ... nossa começo me da umas coisa ruim e nisso fui pega p controle para desliga a tv que estava no sofa juro quando eu olhei ela no olho esta gata me encaro me deu um uivado que meu deus eu falei que isso gata e ela sabe tudo repiada ai desliguei tudo corri para cama e tive que conta esta coisa q ouve comigo POR FAVOR SE ALGO SABER O Q OUVE COMIGO ME FALA O QUE E ISSO POR FAVOR

Rafaela Garcia disse...

Durmo com minha dog na cama, ela ainda é um filhote, devido a aultura da cama, ela não consegue descer sozinha, mas as vezes quando acordo ela está no chão assustada, e olhando pra mim, ela começa a olhar pros lugares vazios, di assustada. Me sinto muito mal. Quem já passou por isso, deve saber o quanto é ruim e intimidador. Ela fica ali parada,olhando pro nada como se alguém estivesse ali. É muito estranho.