1 de fevereiro de 2013

Flappy, o palhaço



Tenho fobia de palhaços, ver um deles me causa calafrios e me faz querer me afastar o mais rápido possível. Há 24 anos atrás, quando eu tinha somente 6 anos de idade, estava vivendo na casa da minha avó, pois meus pais estavam sempre tendo discussões e minha avó decidiu que era melhor que eu ficasse com ela por alguns dias, enquanto eles se acalmavam. Mas esses 3 dias seriam completamente opostos à palavra “tranquilidade” e se converteram na memória mais horrível de minha vida.


[leiamais]


No primeiro dia que cheguei na casa da minha avó, me sentia muito triste por causa dos meus pais, ainda podia escutar como gritavam um com o outro. Minha avó, que sempre me amou muito, me levou até seu quarto, onde havia um baú com muito pó em cima, como se não tivessem tocado nele havia muitos anos. Ela abriu o baú e dentro dele se encontravam muitas bugigangas velhas que já nem me lembro, mas o que mais me chamou atenção foi o que estava lá no fundo: um boneco muito estranho, em forma de palhaço, mas com algumas deformidades, como seu pescoço que era muito mais largo que o normal e seu corpo redondo na parte de baixo. Não tinha um aspecto bonito, mas chamativo. O que mais me chamou a atenção foi o sorriso que ele tinha, o rosto pálido, com olhos pequenos e pretos, tanto que era possível ver seu próprio reflexo neles e os lábios marcados com pintura vermelha muito fina ao redor deles. Minha avó quis me presentear com um companheiro para que eu não me sentisse sozinho, e a princípio eu aceitei com alegria, já que parecia ser um simples briquedo. Antes de ir dormir com “Flappy” (que era o nome que pus no boneco), brinquei um pouco com ele no quarto, e em um certo momento, me dei conta de que havia um cordãp embaixo de sua camisa, quando levantei a roupa, me dei conta de que era uma cordinha que fazia o palhaço falar.

Obviamente, não pensei duas vezes antes de acionar a cordinha. A princípio, não aconteceu nada, então acionei mais vezes até que o palhaço abriu a boca. Mas o que dizia não eram palavras, eram sons estranhos, como se estivesse quebrado, então, começou a mover a mandíbula de uma maneira um tanto violenta, enquanto esses sons continuavam. Era o barulho mais amedrontador que eu tinha escutado, assim, larguei Flappy num canto e fui dormir com esse som horroroso que não saía da minha cabeça.

No dia seguinte, contei para minha avó o problema de Flappy, e ela o pegou para tentar encontrar qual era o problema. Eu esperei na sala, nervoso por causa daquele som e, sem que me desse conta, o som voltou a tocar, e agora parecia uma senhora chorando desesperadamente, gritando de forma desesperada. Neste momento, tudo que fiz foi tapar os ouvidos para que aquele barulho parasse.

Minha avó estava descendo as escadas lentamente, passo por passo, e estava pálida. Ela se aproximou de mim, me levantou do solo e começou a pressionar minha garganta, tão forte que quase quebrou meu pescoço, enquanto gritava obscenidades e maldições. Logo me soltou e quebrou o vidro de um velho relógio que tinha, e com os cacos, arrancou os próprio olhos. Enquanto jorrava sangue das crateras de seus olhos, ela cortou a própria mandíbula desde as bochechas, o que lhe deu um aspecto cadavérico impactante, logo, se jogou no chão e começou a bater a cabeça violentamente contra o solo. Primeiro, vi como quebrava os próprios dentes, logo seu nariz, seu crânio... Até que morreu, ensanguentada e destruída no chão de sua própria sala. Neste momento, eu estava em estado de choque, depois de presenciar aquele ato. Tudo o que consegui foi ficar parado observando o corpo de minha avó, e então, subi as escadas, peguei o boneco e saí caminhando para fora da casa tranquilamente. Não chorei nem produzi nenhum som, apenas caminhei para longe daquele lugar.

No dia seguinte, meus pais encontraram o corpo de minha avó, e começaram uma busca incessante envolvendo a polícia, para me encontrar. Até hoje não sei quanto tempo fiquei perdido, apenas sei que, quando meus pais me encontraram, eu estava dormindo ao lado do boneco, em uma praça escura muito distante da casa de minha avó. O mais impressionante foi que eu não estava com nenhuma marca, enquanto o boneco tinha as mãos, a boca e a roupa sujas com o sangue de minha avó.


Post by: Loucifre
Twitter: @loucifre
Blog: www.proibidoler.com

Bons pesadelos...

61 comentários:

Noir Line disse...

Muito sinistro, ele completamente entrou em estado de choque.

luquinhas mendieta disse...

na.

Jardel Rodrigo Holub disse...

Vish, é nessa hora (dps que vc lê a creppypasta do boneco palhaço assasino) que vc olha para o grande espelho na sua parede e diz: ''Merda ;-;''

Guilherme Daniel disse...

Foi muito forçada essa história!

Thaciane Almeida disse...

Não achei nada demais =\

Koutarô Urashima disse...

Estava interessante, mas o final foi meio broxante...

oklahoma disse...

o legal é que a vó do guri da um boneco amaldiçoado pra ele, sabendo que ele é amaldiçoado, mt genio essas avós rçrçrç

CaioLugia disse...

Essas estórias de "VIU O FANTASMA E COMEÇOU A SE MATAR" já tá enjoando, MedoB, bem que poderia ter mais terror psicológico por aí, né?

CaioLugia disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
SweetBeeMine disse...

Foi bem forçado realmente, o texto em si foi bom, já a historia deixou a desejar.

Fernando Dias Antonio disse...

Edo Edo Edo , cada um com o seu medo!

carol cara disse...

Verdade,a estoria foi muuuuuuuuuuuuuuuuiiiiiiiiiito forcada,do nada a vo se mata?

Leon Leonidas disse...

Legal, mas nada criativo!!!

arthur tavares disse...

Odeio palhaços. =/

Fabricio H.B.C disse...

Até a metade estava ótima, mas o final não foi muito bom...

Diegaozims disse...

Radical!, mas eu prefiro baladas e jogos ninja.

matheus.tragnago.viana disse...

Fraca, forçada, enjoada.

Antônio Oliveira disse...

Verdade, comecou ótimo, masseria melhor o boneco matar os dois e depois ser doado pra uma menina ou uma creche, nem vai haver matança né!?kkk.
Mas seria uma ideia, ja sei vou escrever isso!

Fabricio disse...

Ele vê a vô dele morta, e sobe as escadas pra pegar o palhaço e fugir. ?????

Sabrinastar122 disse...

Terror, cade você meu filho ? '-'

Dante Lopes disse...

Exagerado...

danee rodriuges disse...

que medo :/

Diva disse...

I like it!

Cute Poison disse...

unica parte legal foi da veia loka se matando -.-

Pastel de Feira disse...

Porque meu comentário foi apagado??

Marcela Fabreti de Oliveira disse...

Achei bastante forçada a parte da morte da avó. Dava pra explorar o medo de bonecos, o de palhaços e o de bonecos palhaços de N jeitos mais promissores. Até porque é um ótimo assunto, muita gente tem medo desses coisos.

Unknown disse...

Eu termine de ver e olhei pro lado , o que estava do meu lado ? Uma boneca olhando fixamente em meus olhos D: Quase queimo sá porra ...

Achei meio exagerado essa morte da avó .-.' Só faltava falar que ela botou fogo em seu próprio corpo e acabou queimando a casa toda , ai eu ficaria puto por ler isso auhsuahaush

Paula disse...

Concordo, foi forçada demais e também não foi nada criativa =/
Eu comecei a ler empolgada, mas me decepcionei...

D. disse...

Que bosta, pior creepy/conto de palhaços que já li. Sem ofensas.

D. disse...

Que bosta, pior creepy/conto de palhaços que já li. Sem ofensas.

ANa disse...

No começo achei q a história fosse verdade, seu relato, dái percebi que não a partir de "começou a pressionar minha garganta, tão forte que quase quebrou meu pescoço..." Achei legal, só o final que não foi criativo. Manda mais, adoro ler essas histórias !!!

(Apokalypse)marcelotds disse...

Eu tmb achei isso ANa!

Boss. disse...

Algumas histórias se perdem quando os atos de violência entram muito do nada. Leiam mais antes de escrever esses textos porque a graça de uma creepypasta é ser quase "verossímil".
Não é pra não por coisas violentas, mas a transição tem de ser suave.

Ana Julia Maia Girotto disse...

Wooooou, amei a história, tenho muito medo de palhaços não posso nem chegar perto!

BLW BOSS disse...

eu imaginei a cena e eu ri... parece um roteiro de "Todo mundo em Pânico" kkkkkkkkkkkkkkk

wagner disse...

Concordo com o que disseram, principalmente o Boss. O ato violento veio do nada e abruptamente. Tinha que trabalhar o psicológico mais, pra deixar aquela sensação de "será verdade?" Achei mais cômico que amendrotador. Desculpe as críticas, espero que sejam construtivas.

Jessy Galan disse...

Eu gostei bastante! Deu pra ver que a Loucifre está evoluindo desde o ultimo conto. Você tem talento Loucifre, só precisa escrever mais, ler mais e com certeza vai escrever creepypastas amedrontadoras!

Gustavo Tadeu Chaves disse...

foi meio forçada siim,mas muito boa.

Kunoichi Carolina disse...

Isso me lembrou um conto do Stephen King que aparece no Tripulação de Esqueletos, acho que se chama O Macaco. É bem parecido.

Bruno Raphael disse...

Acho que a avó ter arrebentado os próprios olhos ja era suficiente aersihoasrehoia, nunca vi uma veia aguentar tanta tortura antes de morrer areihoasrehi, bem legal a creepy

Helder Nascimento disse...

essa foi a história mais forçad =a que eu já vi aqui

xGamerDC Dois mil e doze disse...

Muito forçada , e tipo WTF "peguei o palhaço e fui embora" ? KKKKKKKKKKKKKKKKKKK q lek doidooooooo

Juunana sai disse...

se a velhota estava segurando o guri pelo pescoço, pq soltou? Acho que ela meio que tava possuida e o capeta la queria matar o neto dela, mas, a velhota meio que consegue se controlar um pouco e se mata justamente pra nao matar o neto... Ja o final nao entendi, por que ele pegou o boneco e saiu? /:

Juunana sai disse...

se a velhota estava segurando o guri pelo pescoço, pq soltou? Acho que ela meio que tava possuida e o capeta la queria matar o neto dela, mas, a velhota meio que consegue se controlar um pouco e se mata justamente pra nao matar o neto... Ja o final nao entendi, por que ele pegou o boneco e saiu? /:

Ítalo Loureiro disse...

Nossa ninguém entendeu ;-; não é forçada poxa, querem coisas reais vejam o noticiário.

Denis Ariel disse...

Achei fraca.
Poxa, a história é relativamente curta e as coisas se desenvolvem rápido demais.

Não é assim que se faz uma história de terror. O clímax e o suspense têm que ser construídos. Não adianta colocar "Flappy, boneco estranho de palhaço, UMA PESSOA ARRANCA OS OLHOS QUE COISA HORRÍVEL".

Tem que ser um crescente, isso foi muito rápido. E também foi extremamente exagerado. A pessoa corta o olho, corta a garganta e sai se quebrando toda?
Essas histórias funcionam muito naquilo de ter relação com a realidade. Se fica muito forçado, logo a gente já escapa disso e fica falso.


Não sei se é a própria galera da equipe que tá criando essas histórias ou é só um CTRL+V, mas se querem um conselho, CONSTRUAM A HISTÓRIA.
Criem algo sem pressa. Não é em 15 linhas que vocês vão criar uma história boa, a não ser que seja algo genial.

Desenvolvam isso ae, quanto mais for descrito e quanto mais elementos a história tiver, mais imerso o leitor fica.

Mas é isso ae, continuem com o trabalho =)

Unknown disse...

meio forçado e fraco =/

Viniw disse...

Parece copycola

"Unknown disse...
meio forçado e fraco =/"

Faço das dele as minhas palavras.

Milena Zipperer disse...

Pelo q eu entendi, o boneco palhaço era amaldiçoado, quando a velha tentou consertá-lo, o boneco e ela trocaram de corpos, digamos, o boneco tinha uma alma, o boneco se matou dentro do corpo da velha e agora a velha está amaldiçoada dentro do boneco.

anna marques disse...

o começo foi daora mas a mulher arrancar os olhos broxou :c

Fernanda Bueno disse...

CARA.. TAVA INDO TÃO BEM..
PORQUE O GURI PEGOU O PALHAÇO E FOI EMBORA? NÃO TEM NEXO NENHUM AHUEHUEA TO RINDO DEMAIS AQUI COM ESSE FINAL.

Michele Viegas disse...

Poderia ser melhor. Eu não tenho medo de palhaços, na verdade eu amo palhaços, inclusive os mais macabros. Enfim, a estória poderia ser melhor, mas o blog é bom, eu acho! Abraço!

Júlia Oliveira disse...

Cara, se minha vó morresse(no meio da sala) ñ ia te coragem de passa pelo lado dela e ainda por cima, pega o boneco!História boa, mas o fim foi mto cabrero... Só acho! Gostei msm do começo, tipo a vó da o boneco, o suspense quando ela abre o baú e tals!
P.s.: Leve isso como uma crítica construtiva.

Maah Barbosa disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Maah Barbosa disse...

nao foi mt bom .-.' mas enfim neh.. ushuashasuhasu ^^

Liz disse...

Como o povo reclama, pqp

agatodemonbear disse...

bom esforço, precisa achar algo q assuste vou ver family guy

Mih_ disse...

Perguntinha, essa creepy já foi postada aqui antes, não? Juro que lembro dela ._.

K. G; disse...

http://www.taringa.net/posts/paranormal/11364766/El-sonido-de-la-Tortura-Creepypasta.html

Thiago Barros disse...

valeu a tentativa...

Lucas Pereira disse...

Forçada e ruim :/