30 de outubro de 2013

Halloween - Brinquedos Demoníacos

O Halloween é AMANHÃ! E o Acervo Maldito nos trouxe seu acervo de brinquedos demoníacos que ele adora!!!

Você pode ver ele contar dos brinquedos em vídeo, ou ler o texto abaixo...






[leiamais]

Olá criançada, sejam bem-vindos. Hoje vou falar sobre alguns brinquedos que me divertem muito, o que significa que pode não ser tão divertido assim para vocês.

Bolinha de gude do capeta:



Já brincou com bolinhas de gude? Carambola, leitinha, cafezinho! Esses são alguns dos muitos apelidos para os diversos tipos de bolinhas de gude, tenho certeza de que você já deve ter ouvido um.
Entre os anos 80 e 90 as bolinhas de gude foram um sucesso entre a criançada, foi nesse embalo que surgiram algumas histórias macabras e uma delas ficou conhecida como "bolinha do capeta."
Misteriosa e desconhecida, a bolinha do capeta vinha disfarçada junto de outras bolinhas que foram ganhas em uma partida, geralmente tinha cor muito escura e com o passar dos dias ia se tornando mais clara, tão clara que se uma pessoa olhasse bem poderia ver um pequeno demônio dentro dela.
A bolinha podia cair nas mãos de qualquer um e aquele que fosse sorteado tinha apenas duas escolhas:
Deveria jogar com a bolinha por 8 partidas seguintes como "tacadas" pois, dessa forma ela ia recuperando sua cor escura fazendo com que o pequeno capeta dentro dela desaparecesse, depois disso era preciso perder a bolinha para outro jogador. A segunda escolha era mais simples, não precisava fazer nada! Bastava esperar até passar seis dias que o capeta saia da bolinha para prender sua a alma dentro dela!


Boneco do Fofão:



Esse é clássico, não preciso contar que nos anos 80 uma galerinha de crianças fez o maior sucesso na TV, ou preciso? Falo do grupo balão mágico, " super-fantástico, o balão mágico lálálálá..." Sim, me lembro bem dessa "musiquinha" infernal! Junto desse grupo surgiu um personagem carismático e bochechudo (para mim eram dois tumores na cara) chamado fofão. Ele cantava, dançava e até fazia piadinhas na TV e por conta de sua popularidade com as crianças não demorou muito para que se tornasse brinquedo. Malditos empresários, sempre fazendo com que as pessoas gastem! Enfim, o boneco fofão começou a ser fabricado e como era de esperar vendeu muitas unidades mas, alguns anos depois... Fãs do fofão começaram ficar desesperados e tudo porque uma história macabra sobre o boneco começou a se espalhar, rumores diziam que o brinquedo era maldito e que o boneco tinha vida própria. Muitas pessoas da época acreditavam fielmente que o boneco do fofão andava sozinho com chegar da madrugada, diz a lenda, que ele carregava em sua barriga um punhal afiado, pronto para retalhar seu dono.
Eu nunca conheci uma vítima do fofão mas uma coisa é fato:
Se você abrir o fofão ao meio, poderá notar que o suporte de plástico que vem fixado na cabeça dele realmente se parece com um punhal aliás, não deve ser tão trabalhoso perfurar o bucho de alguém com esse material.


O Boneco Robert:



Essa é gringa! Quase 1m. de altura, roupas de marinheiro e um olhar inocente, assim é Robert, o boneco!
A lenda sobre Robert é intrigante, o nome do boneco foi dado em homenagem ao seu antigo dono, "Robert Eugene Otto" o qual, havia ganho o boneco de presente quando ainda era criança, foi uma cortesia de uma antiga empregada que trabalhou para os pais de Eugene, dizem até que ela era praticante de magia negra mas, enfim, quem sabe?
Imagine a situação: Uma criança conversando com um boneco e uma voz estranha respondia para a criança! Foi assim que os pais de Eugene descobriram que o boneco era assombrado mas, por muitos anos resistiram em acreditar que a voz vinha do boneco, eles achavam que o próprio Eugene é quem fazia a voz.
Muitas coisas estranhas aconteceram depois disso, diziam que o boneco perturbava Eugene em seus sonhos e não só isso, risos estranhos pela a casa, gritos, barulhos de pessoas andando e correndo pelo o quarto de Eugene e uma longa lista de coisas estranhas, até mesmo os vizinhos de Eugene juravam ter visto Roberto caminhando sozinho através da janela do quarto.
O tempo passou, Eugene cresceu e muitos anos depois faleceu, na verdade morreu em 1974. Dois anos mais tarde a antiga casa de Eugene havia sido comprada por um novo dono, um casal, eles tinham uma filha de mais ou menos dez anos de idade, a garotinha encontrou o boneco no sótão da casa e resolveu ficar com ele. Nem preciso dizer que não foi uma boa ideia, não é mesmo?
O boneco Robert havia voltado com tudo, ele estava ainda mais "extravagante!" Além das antigas manias o boneco passou a ser visto andando pelo a vizinhança, é claro que sua nova dona também foi atormentada só que seus pais decidiram dar fim no boneco e hoje ele pode ser visto no Key West Martello Museum, na Flórida.


O robô Ar-Tur:



Você considera a hipótese de que robôs são uma maravilha moderna? Na década de 80 um robô era algo surpreendente, mesmo os mais simples deles.
O robô Ar Tur foi um brinquedo inovador para sua época, com a ajuda de um controle remoto as crianças podiam fazer com que Ar Tur fosse andando para todos os lados, é claro que ele tinha suas limitações mas, não são os dados técnicos do brinquedo que importa e sim a lenda em torno disso.
Alguns rumores surgiram, algumas pessoas acreditavam que Ar Tur fazia lavagem cerebral nas crianças e acreditem, conheci pessoas que jogaram seus exemplares no lixo por medo de que o robô pudesse causar algum mal durante as noites de sono.


Boneca Nana Neném:


"Nana neném, que o capeta vem pegar, papai ta na fossa e mamãe vai se matar..."
A boneca nana neném era uma belezinha, o desejo natural de ser mãe sempre esteve junto das mulheres, mesmo quando ainda crianças. A nana neném era um bebezinho, lindo, pequenino, fofurinho, demôninho.
Diz a lenda que muitas meninas entraram em estado de choque! Imagine a situação, uma criança brinca com sua boneca, da papá e mamazinho para a boneca e depois de muito se divertir guarda tudo dentro de uma caixa. No dia seguinte a criança resolve brincar mais um pouco e após abrir a caixa... TADÃN!!! Sabe o que ela encontra? Ao invés de uma boneca bebê normal, encontra um neném satanás com chifres! Bizarro, não?
Dizem que o neném até falava, imagine o filinho do capiroto pedindo mamadeira para você, o que fazer heim?
Chiclete com anel demoníaco:
Nessa época de 80 / 90 existiu um chiclete que as meninas adoravam! Junto do chiclete vinha um brinde, um belíssimo anel de metal com pedrinha.
Teve também outros chicletes que vinham com anéis mas, esse era diferente, o anel era realmente bonito, quase que uma bijuteria. Não me lembro da marca e não encontrei fotos do maldito anel mas, estou certo de que muitos sabem do que pretendo falar, principalmente aqueles que viveram essa época.
Anéis malditos, foi isso o que eu disse? Sim! Haviam rumores (principalmente entre as meninas) de que não era para ficar por muito tempo diante de um espelho enquanto estivesse usando um desses anéis. Ao que parece, elas acreditavam que a pessoa acabava sendo hipnotizada por seu próprio reflexo que fazia com que as meninas imitassem suas ações, começando pelos os dedos: A criança tentava morder o próprio dedo até arrancá-lo da mão, deixando espaço apenas para o anel. A lenda diz que a menina ficava lá, fora do ar, com o que sobrou do dedo (ou dedos) olhando para o espelho e admirando o anel até perder todo o sangue e morrer!

Eu poderia contar muitas outras lendas como por exemplo, a boneca da Xuxa e a boneca Barbie, só que sei que vocês já conhecem essas histórias.
Desejo uma péssima semana e um halloween repleto de desgraças para sua vida... E como diria nosso amigo He-man: Na história de hoje aprendemos que brinquedos não servem apenas para brincar, cuidado com o que e com quem você brinca! Seu armário de brinquedos pode estar repleto de coisas do satanás!


Bons Pesadelos...

7 comentários:

Nicki disse...

Já tive o robô, e a boneca nana nenê tenho guardada ate hj junto com as outras bonecas...rs
Mas agora sei pq meu robô sumiu "do nada".

hauahuhauaauhauh

star disse...

esse era o chiclete maldito
http://2.bp.blogspot.com/-gg9h6Sdy2g8/TqYk18YOfNI/AAAAAAAAAK4/9ID9sMMWk-o/s1600/Site14.jpg

Sparda lost daughter disse...

Agora até me deu vontade de brincar

Léty Hyuuga disse...

Eu tive o anel. =D

Leonardo Rickelmer disse...

man isso e bruxaria coisa do demonio vamo sugar tutô vamos sugar tutôô

Jullyanna Mazzucchi disse...

To com medo... Nunca gostei de bonecas, sempre dei preferencias em brincar sozinha

Thaynara Amud disse...

Até quando eu brincava sozinha mamãe tinha medo, parecia q eu tava conversando com alguém de vdd! Mas na real... ñ lembro/! kkkkkkkkkkkkk