28 de outubro de 2014

Anatoly Moskvin e a Casa das Bonecas Humanas


Na Rússia em 2011 a policia descobriu dentro de um apartamento uma bizarra coleção de bonecas humanas.
Desde 2010 dezenas de túmulos foram violados e eles suspeitavam de uma seita satânica, mas em Novembro de 2011, qd estavam atrás do ladrão de corpos, descobriram um corpo mumificado na garagem do prédio do russo Anatoly Moskvin.

Ao entrarem no apartamento eles tiveram uma visão assustadora, várias bonecas em tamanho real estavam espalhadas pelos cômodos. Vestidas com roupas coloridas e com as mãos e os rostos cobertos com panos. Quando eles analisaram as bonecas descobriram que dentro delas tinham corpos humanos feitos com os corpos roubados dos cemitérios. Moskvin roubava os corpos dos cemitérios, todos de garotas entre 12 a 18 anos, depois levava para sua casa onde fazia um ritual de mumificação e depois fabricava as bonecas por cima dos corpos. Ele dava nomes as bonecas e festas de aniversários para elas.

Anatoly Moskvin era tão obcecado que chegou a escrever um tutorial na internet contando como fabricava suas bonecas. Ele é considerado um gênio, doutor em cultura céltica, historiador e professor de um museu na Rússia. Fala 13 idiomas, incluindo Celta.

Ele contou que andou em mais de 700 cemitérios atrás dos corpos, passava a noite em fazendas abandonadas, bebia água de poços e chegou a dormir dentro de um caixão. Ele escreveu um artigo para um jornal contando seu mórbido interessa na morte, ele falou que quando tinha 12 anos acompanhou um funeral e foi obrigado pelos participantes a beijar o rosto da menina morta.


O video abaixo foi feito pelo próprio Anatoly Moskvin mostrando sua coleção. As imagens podem ser desagradáveis...






Talvez a "lenda" da Lolita Slave Toy não seja tão "lenda" assim... Existe mesmo louco capaz disso.

Fonte: Jornal Mirror
Bons Pesadelos...

2 comentários:

JK Films disse...

Gostei muito do seu blog. Seguindo... segue o meu !

Rayssa Cavalcanti disse...

é né, pelo menos ele não mata ninguém haha