Seriados

Eu sou extremamente viciada em seriados e terror, agora imagine seriados de terror.
Na minha lista de séries preferidas, grande parte é baseada em clássicos como Psicose, Hannibal e já existe até projeto para "O Exorcista" aparecer na nossa telinha.
No post de hoje vou indicar cinco séries que abordam assuntos desde serial killers até demônios. Lembrando que são só as que eu assisto, então sinta-se a vontade para comentar com sua indicação também - mais um seriado para minha lista - .


[leiamais]

Eu atualmente estou respirando Hannibal. A história do seriado é bem simples e ao mesmo tempo dá um nó na nossa cabeça. Will Graham tem certa empatia com serial killers e isso ajuda muito ele a desvendar crimes, porém o torna apenas um agente especial do FBI, já que é psicológicamente instável. Dr. Hannibal Lecter é o psiquiatra de Will, e como o próprio nome rima, Hannibal é um canibal.
Na primeira temporada eles estão em busca de um serial killer e Hannibal Lecter e Will Graham formam uma dupla incrível em desvender os crimes, porém Will não desconfia que seu parceiro seja também o seu maior inimigo.
Como Fannibal (fãs de Hannibal haha) assumida, eu tenho uma página de humor sobre o seriado e sobre o filme. Aproveitando para fazer propaganda: curtam a página, haha!!!!






Já fiz um post sobre The Following aqui no site, mas não custa nada lembrar dessa série incrível.
The Following apresenta Joe Carroll, um excelente professor de literatura, pai de uma adorável criança e serial killer nas horas vagas. Joe passa seu tempo na prisão organizando uma espécie de culto com seus seguidores, obcecados por Carroll e também pela literatura, especialmente por Edgar Allan Poe. O serial killer tem como principal objetivo escrever o seu novo livro, onde os protagonistas serão sua ex-esposa Claire Matthews e o ex-agente do FBI, Ryan Hardy, que viveram um romance.






Outra série que também postei aqui e que cita um clássico, Psicose.
Após a morte do pai de Norman e marido de Norma, a mãe e o filho se mudam para um motel decante, afim de recomeçar suas vidas e reabrir o motel, agora chamado de Bates Motel. Norman Bates desenvolve seu lado maníaco entre a infância e a adolescência, enquanto sua mãe o trata com possessão e instabilidade.
A relação de mãe e filho nessa nova cidade desencadeia fatos assustadores, assim como o psicológico de Norman.






A primeira temporada é inspirada em clássicos como O Bebê de Rosemary, Inverno de Sangue em Veneza e O Iluminado, trazendo uma história extremamente perturbadora e assustadora. A série conta a história de uma família que está enfrentando problemas no casamento e mudam para uma nova casa esperando que as coisas fossem melhorar. Pois bem: como já podemos imaginar, invés de melhorar, as coisas pioram. E muito! Contamos com um grupo de personagens sobrenaturais que contam a história da casa. Também a cada episódio descobriram algo novo e algo mais perturbador. A própria intro da série já dá calafrios, então você já pode imaginar como é o resto da história.
Já na segunda temporada a história se passa em na Instituição Mental Briarcliff, misturando freiras, demônios, nazistas, serial killers e alienígenas. Sim, o roteirista é bem original. A terceira temporada vai estreiar em outubro e será sobre bruxas!






Já estou questionando minha sanidade porque além de apaixonada por todos os maníacos das séries acima, sou apaixonadíssima pelo o deste seriado.
Dexter Morgan é, além de analista forense, serial killer. Os casos que a polícia não consegue fazer justiça, Dexter vai lá e faz com as próprias mãos e silver tape.  O personagem é um psicopata que usa esse seu defeito para o "bem", algo que seu pai adotivo lhe ensinou quando criança para que Dexter não fosse preso.
Junto com sua necessidade de matar, a história conta também sua relação familiar. Tudo com um toque de humor negro.



Quem aqui já assiste um desses? Qual é seu preferido?

Sabine d'Alincourt.
@featsabi no twitter e dona do Girls On Road.